Gratuitidade

Por definição, implica que não se pague. No caso do ensino básico, universal e obrigatório, parece-me de escasso decoro que se obriguem todos os alunos a pagar folhas de teste, só porque o ministério impõe regras draconianas às escolas e agora é necessário poupar nas fotocópias dos próprios instrumentos de uma avaliação que se quer rigorosa.

A mim, que sou uma pessoa de vistas curtas, obrigar alguém a pagar por algo que o obrigamos a fazer, em especial num serviço público universal, parece-me a negação da mais elementar justiça.

Patinhas

7 thoughts on “Gratuitidade

  1. As folhas de teste são das coisas mais absurdas das nossas escolas. Ver os putos (alguns de 10 anitos) perdidos em torno da papelaria para não correrem o risco de serem impedidos de realizar as avaliações.

    Gostar

  2. Tudo o que é grátis, além de ter custos muito elevados para terceiros não implicados, preforma a irresponsabilidade futura. Mas isso já sabemos e também se sabe, pelo histórico, que se pagam em primeiro os juros – mesmo não havendo capital.

    Gostar

  3. Eu também acho uma parvoíce. Há 26 anos que faço testes com resposta na própria folha. Em formato A3 para poupar nos agrafos. Claro que o meu plafond é de 80 folhas por aluno- que não gasto ao longo do ano.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.