Não-Prevaricadora

Isto teria graça, não fosse uma desgraça. Mas ajuda a explicar a arrogância com que a pessoa em causa se tem deitado a opinar como senadora do regime e a recolher vassalagens.´E esta decisão é uma espécie de salvo-conduto e salvaguarda para tantos outros que fizeram o mesmo e agora já se sentirão com as costas aconchegadas para o fazer.

MINISTRAAA (1)

11 thoughts on “Não-Prevaricadora

  1. Lá vamos ter que gramar com a pesporrência senatorial da filha do padre.

    Mas quer-me parecer que do lado de AC e da esquerda não terá grande acolhimento…

    Gostar

  2. Hum… parece que ouvi que não houve dolo… pois, ir ao erário público (para pagar externalidades quando os serviços poderiam ser feitos internamente) não será dolo… pois, já estamos mais que habituados… é, digamos, uma tradição… pois… por estas e por outras é que tudo fazem para manter tradições.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.