Vidências

Os documentos (parecer e relatório técnico) do CNE sobre a avaliação das aprendizagens do alunos do Ensino Básico estão aqui. Como previa esta manhã, entram em choque com muitas das ideias dos partidos que suportam a actual situação governativa nestas matérias. Por acaso, até acho que a colisão mais frontal foi moderada, mesmo se em termos mediáticos atrai mais a parte que pode ser mais polémica. Confesso, ainda, que partilho – para grande incompreensão de muitos colegas meus – da posição do CNE sobre a introdução de uma prova final no 9º ano na área das Ciências e sobre a importância de avaliações intermédias antes desse ano, pelo menos em Matemática e Português. Discordo do silêncio sobre o exame made in Cambridge que, na formulação ainda em vigor, se integra no âmbito deste parecer. Julgo que esta omissão pretendeu evitar fricções adicionais, com o ME ou avec quelqu’un. Posso estar enganado, mas… teria sido interessante que existisse uma posição clara quanto à avaliação na área do Inglês.

zandinga

11 thoughts on “Vidências

  1. Não sei como o PS vai resolver o dilema: Municipalização versus autonomia das escolas. Ou refaz tudo e esvazia os municípios de competências pedagógicas atribuindo-lhes competências na gestão dos edifícios (afetando os não docentes, por exemplo) ou não há autonomia nos Agrupamentos.

  2. Quer-me parecer que esta insistência na questão da avaliação externa acaba por ter (deliberadamente muitas vezes…) um efeito de ocultamento sobre os grandes problemas estruturantes da educação. Trata-se de uma inversão, ou perversão, fundamental: os exames tomam paulatinamente o papel de fins que determinam os processos (mormente o de ensino-aprendizagem) e o sistema.
    Por outras palavras, a educação, o sistema de ensino são vistos e avaliados pelos exames, pelos resultados do exames.

    DJ é claro nas suas declarações/conclusões: a subida de Portugal no “PISA” deve-se aos exames…

  3. Seria interessante conhecer a composição político-partidária do CNE para perceber o sentido de algumas votações.
    E também era bom que o site do CNE divulgasse eventuais declarações de voto, uma vez que houve 4 votos contra e uma abstenção.
    O que esses conselheiros pensam pode ter relevância, sobretudo saber o seu background e os pressupostos da sua análise diferente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.