2 thoughts on “Doçuras

  1. Pena não ter conversado com esta colega vimaranense(?). Se era de Guimarães (terra onde vivi a infância e início de adolescência e que visito sempre que posso), podíamos ter partilhado possíveis conhecimentos comuns.
    Paulo, foste abençoado: excelente, o toucinho do céu da Clarinha (o das Costinhas também é muito bom – tem muita gila; magníficos, os “doces brancos” de Margaride. Só faltaram as tortas da Clarinha…
    Saudações à Armanda Sousa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.