Pelo Sol de Hoje

Ainda não vi tudo o que saiu das declarações que prestei ao Sol. De qualquer modo, fica aqui a minha introdução ao balanço de sete pontos dos últimos oito anos de políticas educativas.

O balanço sobre o que mudou no ensino em Portugal desde a manifestação de 8 de Março de 2008 é complexo e depende muito da perspectiva que adoptemos, não apenas no sentido “corporativo” (o ensino visto por um professor é diferente de visto por um aluno, um político, um opinion-maker, um investigador em matérias de Educação ou mesmo um encarregado de educação) mas também consoante o ponto de partida. Devemos considerar que em 2008 algo de novo começou ou estávamos apenas numa fase inicial ou intermédia de um processo ainda em curso? Eu considero que esta perspectiva é a mais correcta e considero que em 2016 estamos ainda a viver um processo iniciado há cerca de 15 anos destinado a aplicar à Educação uma lógica “de mercado”, ou seja, de mercantilização ou “comodização” (commodization, no termo original) do ensino, a par da imposição das regras de uma tendência das teorias de gestão de final do século XX (new public management), preocupadas essencialmente com a eficácia financeira dos processos e o controlo burocrático dos trabalhadores, neste caso da Educação.

IMG_0775

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Google

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Foto do Facebook

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.