Musicology

Todos temos as nossas décadas formativas em termos de gosto. A minha coincidiu quase por completo com a década ímpar do Prince, de Controversy (1981, ainda sem dinheiro para compras tão alternativas) até ao Diamonds and Pearls (1991, no início dos tempos do cd, quando eu tentava reconstituir o que não tinha em vinil antes do Parade). Álbuns que a esta distância são autênticos best of em sucessão. Depois, enfim, com as mudanças de nome, já não era a mesma novidade, mesmo se restavam coisas esporádicas e as actuações ao vivo.

Acho que em termos musicais, perda semelhante, a nível pessoal, que me perdoem o Bowie ou o Lou Reed, só quando o David Byrne, e talvez o Van Morrison ou o Bono e o The Edge se forem.

Foto3009

2 thoughts on “Musicology

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.