Estou Marreta de Dizer…

… que há mais rabos de palha do que nos querem fazer acreditar. Não há honoris causa de borla, nem notícias fofinhas sem almoços por conta. O conta-gotas das revelações não se explica apenas pela massa de informação disponível, mas pelo enorme incómodo que pode causar em certos círculos de gente que gosta de passar por séria. Noticiadores ou opinadores. Há publicações que não poderiam suportar tanto articulista remunerado sem um oleoduto financeiro bem dirigido.

E nem falo das inocentes viagens patrocinadas. Não apenas pelo espírito santo, mas por muitas outras “entidades”, com ou sem offchoras. Há novaiorquinos, parisienses, bruxelenses e/ou londrinos  de adopção de tanto passearem à pala de mecenas. Houve alturas em que eu olhava (olho?) para os escaparates matinais e até via as caixas registadoras a tilintar. Há jornais que não admira fecharem, admira é porque ainda continuam abertos sem que se conheçam os patrocínios de forma nítida. Como é possível que empresas falidas compr(ass)em tanto espaço publicitários ou dezenas/centenas de exemplares para distribuir?

Luvas para jornalistas: Sindicato pede “clarificação” ao Expresso

O Sindicato dos Jornalistas pediu ao jornal Expresso para divulgar os nomes dos jornalistas que diz estarem envolvidos numa investigação judicial relacionada com o designado “saco azul do BES”.

Pig

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.