Uma História Como Outras

Esta foi conhecida há pouco tempo, próxima, não sendo de proximidade. A filha no colégio privado de elite, daqueles com propinas de muitas centenas, porque o plano é que vá para Medicina. O filho, que “tem menos capacidades” nas palavras de alguém da própria família, vai para a escola pública, porque não é preciso mais. E depois os professores discriminam, segregam e os especialistas querem igualdade de oportunidades e de resultados quando o darwinismo educacional começa em casa, sem traumas de separação de irmãos..

É um só um caso? Talvez…

Bigorna

7 thoughts on “Uma História Como Outras

  1. Na sua rude singularidade, esse exemplo representa o recalcado desta história dos colégios privados. A liberdade de escolha não representa uma liberdade incondicional – em abstracto, até é uma tese muito agradável… -, é determinada pela questão da (des)igualdade de oportunidades. Questão que é bem mais complexa do que se julga, porque, como mostra o exemplo, ultrapassa a mera posição social ou económica, para se estender aos modos de subjectivação, ao modo como nos vemos e construímos a nós e aos outros.

    Gostar

  2. Eu joguei berlinde. Mas havia sempre leite, de vaca leiteira, colhido à menos de 24h. Eu e o meu irmão lutávamos pela nata. Acho que ele ganhou porque tem mais de 1,80 m…

    Gostar

  3. Em democracia existe o direito de manifestação, mesmo para aqueles que desdenham das manifestações dos outros. Não quererão os docentes despedidos dos colégios comprados pelo grupo GPS e outros colégios que, em face do ajustamento demográfico e financeiro, não tiveram pejo em trocar os professores mais caros (mais velhos) por outros baratinhos, com guia de marcha assinada, manifestar-se também?
    Admito que a maioria da opinião pública desconheça a realidade destes colégios, mas para quem conhece os seus métodos, dá voltas ao estômago vê-los a apupar ministros, a levantar cartazes segregadores e a recusarem para si o que defenderam como justo para os outros, há tão pouco tempo.
    Ver o PSD/CDS a usar argumentos pífios para defender estes “amarelos”, faz corar de vergonha os verdadeiros liberais.
    Enfim…é o Portugal que temos, mas, seguramente, o Portugal que não merece a fatia de portugueses que luta todos os dias por um país justo, livre e solidário!
    No reino desta hipocrisia, amanhã haverá professores que continuarão na sua luta a tentar mudar a vida de muitos meninos/meninas que estes colégios nunca aceitariam! Bem hajam!

    Gostar

  4. A história até me parece fazer sentido.

    A maior parte dos alunos que vão fazer o secundário a esses colégios não é porque lá aprendam mais, mas porque se tiram melhores notas e se preparam os alunos, mais intensivamente, quais cavalos de corrida, para os exames nacionais.

    Sei bem dos dilemas de muitos pais, que confiam na escola pública e estão convencidos de que ela forma melhor os filhos, não só como estudantes mas também como pessoas e cidadãos, mas vêem como algum privado se superioriza nas técnicas de inflacionar classificações e adestrar para os exames.

    E quando se quer entrar em Medicina, entre ter um 17 na pública que não servirá para nada ou um 18 ou 19 na privada que garante o acesso, a maioria dos que podem pagar acabam por escolher, mesmo a contragosto, os colégios.

    Mudar isto, só com um sistema diferente de acesso ao ensino superior. Mas essa é, percebe-se bem, uma vaca sagrada do regime com a qual ninguém se quer meter.

    Mais duas ou três ideias sobre o assunto: https://escolapt.wordpress.com/2016/05/12/o-outro-negocio-do-ensino-privado/

    Gostar

  5. A minha filha sempre frequentou escolas publicas, entrou em Medicina em Lisboa com 18,5 e esta a 15 dias de se formar como medica. As escolas publicas tambem dao boas notas,so que aos bons alunos,naturalmente!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.