Ainda os Contratos

Antes de mais… atenção, malta do Bloco… não vale a pena gastarem dinheiro em cartazes a defender o fim do apoio a algumas PPP na Educação em zonas como a minha onde não há nada disso, onde só há público e privado puros e duros. Guardem lá o dinheiro para coisas mais importantes, porque o assunto é pacífico por estas bandas, não precisam de doutrinar seja quem for.

Adiante.

O ME começa, com sinceridade e hipocrisia, a afirmar que “que “continua, naturalmente, disponível para discutir, de entre aquelas que se encontram previstas na Lei, outras formas de financiamento e parcerias com os estabelecimentos de ensino privado”. Não sei bem o que isto quer dizer a esta altura do campeonato que se dizia já estar encerrado. Sempre é aquilo do pré-escolar ou é qualquer coisa para ver se afastam os amarelos das ruas? Olhem que vem aí o Verão… é tempo de férias e há gente que tem o resort marcado há muito, não vai estar com vontade de manifs.

Entretanto, há quem se meta em assuntos que deveria deixar em outras mãos. Seja a Fenprof a tentar influenciar Marcelo (sorriso…), seja o presidente do CNE a insistir em fazer política de oposição ao Governo (eu sou daqueles que acha que certos cargos implicam algum recato opinativo e não falo apenas dos relacionas com a Presidência), por muito que possa dizer-se que tudo isto é natural. São duas faces de uma moeda que não deveria contar para este peditório.

Mas isto sou eu a falar, que tenho a mania de ter opiniões sobre tudo, quase todos e mais alguma coisa.

Tudo bem, já estou habituado a ser chamado um pouco de tudo o que possa parecer mais ofensivo do que um cartaz da jota laranja, de anti-comunista/sindicalista primário a esquerdista ou cripto-comunista/estalinista impenitente, portanto…

Já agora… aquela notícia do CManhã sobre os eventuais arguidos do caso da investigação a um certo grupo empresarial na área da Educação foi fumo de fogo que vai arder ou já atiraram com os extintores todos em força para cima da coisa?

batmannthink

4 thoughts on “Ainda os Contratos

  1. Boa tarde,

    Posso pedir-lhe que esclareça se está incluir ou excluir a rede de oferta dos cursos profissionais quando diz “PPP na Educação em zonas como a minha onde não há nada disso”?

    Obrigado.

    Gostar

    1. Obrigado pelo seu esclarecimento. Eu estranho a ausência de debate sobre as PPP no ensino profissional. Essa ausência deve-se ao facto de não haver sobreposição das ofertas pública e privada na rede ou estamos a falar de contratos de natureza diferente? Perdoe-me abusar da sua paciência, mas no seu estaminé é onde encontro as opiniões mais ponderadas sobre educação, assunto que, leigamente, acompanho com interesse.

      Gostar

      1. A rede de escolas profissionais parece-me pacífica, tem uma oferta especializada e, pelo que sei, com uma qualidade média interessante, adaptada a um público específico. A coordenação da sua oferta com as escolas públicas existe em certa medida e há um encaminhamento, pelo menos na minha zona, dos alunos numa perspectiva de complementaridade e não de concorrência. Há sobreposições, há detalhes que poderiam ser melhor articulados mas – repito, pelo que me apercebo – longe de outro tipo de problemas em outras zonas, com outro tipo de contratos.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.