O Pobre Ulrico

Vê-lo a perorar depois da assembleia geral do bêpêí como se mandasse em alguma coisa, quando são os espanhóis e os angolanos que têm o capital quase todo e o deixam lá estar como uma espécie de espanta-espíritos só não é penoso porque é daquelas criaturas de que desgosto com alguma intensidade. Não muita, porque também não merece mais do que um rodapé na história dos nossos liberais com dinheiro alheio.

clown

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.