Massa Crítica

Todas as maiorias tentam, como se receassem dissolver-se, condicionar qualquer manifestação de discordância ou crítica em relação à situação em que o poder é seu. Tudo é bom, o melhor, impossível ser de outra forma. Foi assim durante a última década, rosa e laranja, conforme os tempos. Agora que temos uma maioria multicolor, não percebo se a insegurança é maior ou menor, mas sei que são vários os aparelhos ao dispor para tentar calar quem desalinhar da sebenta oficial. Após dia 4 de Outubro de 2015, como já o fizera em 2009, defendi esta solução governativa. O que é muito diferente de passar um cheque em branco em relação a todas as políticas sectoriais. No caso da Educação, à conta de umas medidas de cosmética, os professores, em particular a larga maioria dos que estão em exercício – os “velhos”, aqueles que andavam nisto quando alguns já tinham fugido das escolas e outros ainda usavam cueiros e não liam briefings matinais com a k7 – ainda não viram nada de muito substancial mudar na sua condição laboral específica. Os seus representantes mais façanhudos, amarrados, com trela curta, encenam lutas de que nas salas de professores nem se ouve o mínimo rumor. E desgostam imenso que isso seja dito, sem medo das represálias do costume, a começar pela ofensa imensa de se ser “de Direita”. A mim o que desgosta é achar-se que devemos abdicar da nossa capacidade crítica, só porque há pizzas melhores para os do costume, os que agora nem aparecem pelas escolas.

Se juntarmos isto ao aggiornamento de alguma comunicação social aos interesses, esses sim, de algumas capelinhas de liberais de aviário, ficamos no mato sem cachorro, gato ou escaraminhão pintado, pois os outros das notícias estão completamente alinhados com o que há. E quanto levantamos cabelo é porque somos corporativos e incapazes de ver o bem maior. Fora o que é dito à boca pequena sem pimenta da língua para se tentar desacreditar os incréus.

Ide catar-vos. Em especial os que sabem que eu sei que vocêses sabem que eu sei o que fizeram no Verão passado e neste Outono por acabar.

CatAlice

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s