Duas Breves Notas sobre a Flexibilidade

Em coerência, acho que se deveriam tornar facultativos os exames/provas finais do 9º ano. Facultativos para as escolas e para os próprios alunos. Não faz sentido andar-se a propor o fim do peso do exames do Secundário no acesso à Universidade e mantê-los no Básico. E reparem que isto sou eu a dizer, uma criatura arcaica a quem o “exame da 4ª classe” não provocava calafrios ideológicos.

Quanto à operacionalização dos projectos transdisciplinares, das semestralizações, trimestralizações e fundições de disciplinas, mais todo o resto de interessantes experiências pedagógicas que se abrem nesta nova fase da Educação em Portugal, aguardo com acrescido entusiasmo por toda a parafernália de documentos para as poder implementar, desde o impresso para apresentar a proposta planificada, calendarizada e grelhada aos registos de actividades relatórios de execução e auto-avaliação, não esquecendo as ferramentas e instrumentos para a monitorização intermédia do progresso verificado. Penso que é todo um novo campo que se abre para a burrocracia escolar.

(ou então substitui-se tudo com a garantia do sucesso pleno dos alunos… e não se fala mais nisso…)

IMG_4319

Advertisements

One thought on “Duas Breves Notas sobre a Flexibilidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s