Afinal é Só para a Semana…

… que há espaço para o texto de que vos deixo apenas um excerto, esperando que isso não iniba a publicação do dito cujo.

Educação: Por uma Flexibilização Coerente

(…)

Sejam coerentes de uma vez por todas e restrinjam a possibilidade de reter os alunos a casos ultra-excepcionais de falta de assiduidade, assumindo que todos (ou quase) devem passar de forma independente do seu desempenho, recebendo no final do Ensino Básico um certificado com as suas classificações, sejam quais forem. Abandonem de vez a noção de “positiva” e “negativa”, até porque a escala de 1 a 5 é toda positiva do ponto de vista matemático. E assim deixaríamos de comentar a transição de alunos com seis ou oito “negativas”. O aluno passou de ano com média de 1,5 ou 3,7 ou 4,8. E acaba-se de vez com o insucesso. Isso, sim, consideraria coerente e pouparia imenso em “formação” e conversa fiada por todo esse país, a massacrar pela enésima vez os professores, tentando fazê-los sentir-se “inflexíveis” e culpados pelos males alheios.

PG Verde

Advertisements

5 thoughts on “Afinal é Só para a Semana…

  1. Isso era assumir a dissonância cognitivo pedagógica vs economia, e deixar de ter bodes expiatórios, de uma só vez…A hipocrisia vencerá! 😎

  2. Defendo isso há muito. Por mim até pode incluir o ensino universitário… e teríamos engenheiros licenciados com três valores, arquitectos com seis… e quem quiser que os empregue. Acabaríamos de vez com a hipocrisia e com as pressões mais ou menos encapotadas ou mais ou menos claras sobre os professores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s