O Relativismo em Movimento

O Observador já tinha dado espaço ao mais imbecil artigo de opinião sobre o episódio de Torremolinos. Fiz os possíveis por esquecê-lo, mas agora voltei a recordá-lo por causa da longa peça que em termos jornalísticos tem o seu interesse, embora devesse pagar direitos ao autor do blogue de ontem retiraram a maior parte da informação sobre o que se passou em 1980 (eu também me lembro do que me foi contado por alguns colegas meus mais velhos que foram, pois eu ainda andava no 10º e, como já disse, nunca fui dados a estes “rituais de passagem”). Quanto a tudo o mais e aos esforços por tentar fazer paralelismos entre o que se passou então e agora, insinuando que estes são os filhos dos de então, que não é muito aceitável criticar o presente devido aos desmandos do passado, eu gostaria de destacar uma passagem que, logo no início do artigo, faz toda a diferença:

Os distúrbios e estragos causados pelos estudantes levaram o caso ao Parlamento, foi aberto um inquérito, e nos anos que se seguiram ficaram proibidas as viagens de finalistas àquela cidade da costa espanhola.

Imagem

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s