Amanhã…

… começam as provas mais despropositadas da nossa história educacional recente. Alegadamente, com base no desempenho de alunos do 2º ano em provas (por exemplo de educação física) irá ser feito um diagnóstico do que está mal no 1º ciclo. É tudo uma imensa treta e estas provas destinam-se apenas a justificar medidas que já estão delineadas há algum tempo com base numa teia de relações e influências que é pior do que eu imaginava, pois nos últimos dias procurei informar-me sobre aquilo que era apenas possível deduzir. As coisas são bastante mais opacas (ou serão antes transparentes?) do que seria de esperar num governo que se pretendia reverter as más práticas do passado recente.  Como não quero assustar já toda a passarada que se anda a servir das amizades e conexões, mais detalhes ficarão para a devida oportunidade, conforme avancem com as alterações pré-preparadas por gente que coloca a sua vidinha acima dos escrúpulos e da decência. Sim, estou a medir e muito as palavras. E não, o que está em causa não é o interesse dos alunos.

Alarmismo? Dramatização? Olhem que não… olhem que não…

Alcatrao

Anúncios

10 thoughts on “Amanhã…

  1. Mas é bom que a passarada bata a asa. Filhos, vizinhos e amigos, devia ir tudo preso.
    Se são todos de educação física, ponham-se a correr.
    E ao que parece, o Paulo pode dar o tiro de partida porque saem todos lá das redondezas.

    1. Mais grave do que a realização das provas é aquele pessoal ter percebido que isto não tem pés nem cabeça e não ter recuado. Ser pioneiro na Europa dá cá umas peneiras…
      Justificações espatafúrdias como essa da “fotografia” da coisa deviam envergonhar os seus responsáveis (o photoshop dá um jeito do caraças). Deviam… não quer dizer que tal fosse esperado! No caso particular da EF sabemos que assim seria pois são os mesmíssimos desde há muitos anos. Lobbies poderosíssimos que lutam pela dignidade/importância da EF através da avaliação dos alunos (que argumento mais pobrezinho). Como aconteceu com as notas do secundário. Gente que é responsável pela geringonça (sim, é de propósito) que é o estado actual da EF, em particular no primeiro ciclo. Sim, também estou a medir bem as palavras, mesmo sabendo que os ditos fazem de conta que não conhecem o blog do Guinote. Por isso talvez gravem a coisa mas não vêm cá chatear. Mais valia que deixassem de fingir, mas a vidinha é mais fácil quando não somos criticados, não é?
      Pobres crianças!

  2. Treta? Palhaçada! A partir de amanhã vão dizer que nós não ensinamos os alunos a ” dar a cambalhota” ( cambalhota? Eu nunca consegui dar. Ficava toda tonta, desorientada), a recortar tecido, etc etc. E as turmas cheias. Na minha, vão estar 29 meninos a serem avaliados (os meus e os “apêndices” de outra turma

  3. Mais uns “esquemazinhos”, desta vez de interesses: da venda de materiais desportivos, entradas no QZP de Educação Física, empresas de malhação… e no final, após tantas aulas de baloiço e de escorrega, a cereja no topo do bolo, mais estupidificação dos alunos… Era para ser diferente com estes? Esperava-se que sim… mas a continuação do mesmo é já demasiado óbvia.

    1. Ah, pois não… nem vamos falar nas negociatas de “empresas” com as AEC, nem com a previsível necessidade de “formação” para esta área no 1º ciclo.

      O entusiasmo de certos porta-vozes oficiosos da bondade destas provas é evidente. Mas há ainda quem diga que não é nada disso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s