O Costume?

Comecei a receber e a pré-analisar os manuais de Português para o 6º ano, o que significa ver quem o aspecto geral do “projecto”, @s autor@s, como se encaixam nos materiais que temos usado, perfil de alunos, etc. Agora, de há uns bons anos para cá, pelo menos uns 15, temos direito aos “consultores científicos” aos “revisores pedagógicos” e títulos equivalentes. Em 3 dos 4 primeiros que agarrei dei com 3 autoras (ou coautoras quando há mais humildade) das Metas Curriculares e do Programa de Português do Ensino Básico.

Eu sei que não é ilegal, claro, mas continua a não me cair muito bem no goto que as pessoas que são pagas pelos dinheiros públicos para elaborarem um programa disciplinar depois apareçam associadas a projectos comerciais privados ligados a esse mesmo programa. As “formações”, enfim… Mas andar a apoiar a venda, desculpem, revisão de manuais? Pode ser esquisitice minha. Mas acho que é algo que navega nas águas das explicações na área de exercício da docência. E acho muito menos transparente do que o que motivou enorme alarido mediático acerca da oferta dos manuais aos professores.

Aquela coisa da ética e da deontologia continua sem código de estrada, portanto os condutores continuam a poder fazer as manobras que entendem. As editoras seduzem, a carteira anda fraca, o mundo pulo e avança como se fosse um tablet nas mãos de uma criança *.

pluto-scratching

* – Piada em camadas… não sei se repararam… com aquilo dos e-manuais… espectáculo… isto não é todos os dias, nem em todo o lado…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s