Os 25% da Autonomia

São, em termos semanais, mais de 300 minutos no 2º ciclo (e 375 no 3º). Podem retirar-se em todas as áreas para criar disciplinas novas?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Já agora, porque apenas Educação Física tem uma carga semanal autónoma de qualquer grupo de disciplinas? Mas, apesar disso, podemos ir lá e tirar 50 minutos para – por exemplo – uma nova disciplina de História do Corpo e da Saúde, com mais 50 minutos de Línguas e Estudos Sociais e 50 de Matemática e Ciências? Ou é território vedado?

Já agora – mais uma vez – porque há cargas horárias que se notam serem calculadas numa base de 50 minutos (Matemática e Ciências), enquanto outras não se percebe (Línguas e Estudos Sociais, Educação Artística e Tecnológica) e a Moral é na base dos 45?

Algum critério especial ou é na base da “autonomia curricular” criativa do legislador e a malta que se desenrasque?

Já sei que isto vai ser aplaudido como um enorme avanço, fruto de uma visão nova da Educação, mas a mim parece a matriz do costume, com uns “alinhamentos” quase todos na mesma direcção e “autonomia” para fazer umas coisas giras, desde que se assegure o sucesso (com ou sem instruções directas da tutela e dos seus acompanhantes)…

Já agora – é a terceira vez, eu sei – sou só eu a reparar que entre os “consultores” do projecto estão pessoas ligadas à consultoria em alguns municípios no âmbito da municipalização?

É naquela base das “sinergias”?

Anúncios

7 thoughts on “Os 25% da Autonomia

  1. Isto não passa de Educação Lili Caneças: é velha, muito velha; mas estica a pele daqui, corta dali e finge-se que é tudo novo. Mas a base, se virmos bem lá por trás da maquilhagem, continua a ser uma velha pavorosa….

      1. Claro que a Drª Vaca Rodrigues foi muito pior. Mas quando falo de Lili Caraças refiro-me apenas à tentativa de recauchutagem do velho em pseudo-novo. Nada tem de educação ou pedagogia, claro.

    1. Pode ser. Quem pode arvorar-se em conhecedor dos desígnios profundos da alma humana? Ou dos segredos do Cosmos? Eu cá só sei que nada sei. E ainda assim esqueço-me de quase tudo. E a mais não me sinto obrigado.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s