Ao Menos Valeu a Pena?

Ou andaram aos tostões? Se há coisa pior do que certas práticas duvidosas é a sua pinderiquice. A sujarem-se que seja por algo que se veja.

O Ministério Público está a investigar vários ministros e secretários de Estado do segundo Governo de José Sócrates por suspeitas de ilegalidades no uso de dinheiros públicos e o caso, que envolve membros do atual Executivo, tem já arguidos. Tudo teve início em 2012, com uma queixa-crime da Associação Sindical dos Juízes Portugueses, que, após análise às contas dos gabinetes daquele Executivo, em funções entre 2009 e 2011, considerou haver indícios de uso indevido de dinheiro dos cofres públicos. 

Contactada esta semana pelo SOL, a Procuradoria-Geral da República confirmou que a investigação inédita ainda está a decorrer: «O inquérito relativo à matéria em causa continua em investigação». Oficialmente, o gabinete de Joana Marques Vidal assegurou que já foram constituídos arguidos, recusando no entanto divulgar a sua identidade ou referir se se trata de algum atual ministro. É a primeira vez que o Ministério Público está a investigar despesas pagas por governantes no exercício de funções.

Justiça

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.