Reversos

A Escandinávia é apresentada como um modelo de tolerância e desenvolvimento. A leitura de alguma literatura policial dinamarquesa (Jussi Adler Olsen, em especial o The Marco Effect), noruega (algum Jo Nesbo, como o The Redbreast) e sueca (a trilogia Millenium original, Liza Marklund) deixa-nos com imensas dúvidas, porque não se trata meramente de ficção tudo o que é descrito em termos de intolerância, permanência de uma forte tradição neonazi e uma teia espessa de influências políticas que se afastam muita de uma imagem idílica a que os europeus do sul se gostam de agarrar. Crimes deste tipo parecem retirados de séries americanas rebuscadas mas são bem reais.

dark

 

One thought on “Reversos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.