Há Coisas Estúpidas e Coisas Muito Estúpidas

Na primeira categoria podemos incluir, com gentileza, testes diagnóstico no 9º ano. Na segunda, testes diagnóstico no 9º ano em disciplinas onde foram feitas provas de aferição no 8º. Apesar daquilo ter sido uma treta e escassamente prestável, a verdade é que há malta (grupos, departamentos, pedagógicos) que têm escassa moralidade para queixar-se da falta de tempo para leccionar conteúdos ou desenvolver actividades relevantes para as aprendizagens dos alunos.

Clown

2 thoughts on “Há Coisas Estúpidas e Coisas Muito Estúpidas

  1. Muito sado masoquismo, caramba!
    É por estas e por outras que depois nos dizem que somos pouco inovadores. Eis um exemplo – a routina pavloviana dos testes diagnósticos continua a rolar.

    O holístico, aqui, ( e acolá) dá um certo jeito.

    Gostar

  2. Parece que é praga nacional. E nem vale a pena tentar fazer ver a quem de direito que isto não faz sentido. “É obrigatório fazer testes diagnósticos em todas as turmas e disciplinas”. Ponto.

    A cereja em cima do bolo é o facto de os quem de direito serem das pessoas que mais se queixam do excesso de trabalho e burocracia mas, na hora H, imporem aos colegas todo o tipo de trabalhos e trabalhinhos de encher chouriço.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.