O Colapso do Estado

Não acontece apenas quando os serviços ficam reduzidos ao esqueleto e mesmo assim com falta de tíbias, costelas, cúbitos ou falangetas. Acontece também, e com efeitos muito graves, quando quem ficou a assegurar o que sobreviveu está de tal forma desmoralizado que acha que já não vale a pena sequer desempenhar funções desvalorizadas quotidianamente, porque poderiam ser melhor desempenhadas por privados ou máquinas. Os exemplos alastram e nem sequer falo de quem já recorre ao Antigo testamento para fingir que serve um moribundo Estado de Direito.

colapso

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.