Isto É Todo Um Manual de Hipocrisia

Do senhor IAVÉ, cuja explicação é risível:

O investigador que tem sido, no Instituto de Avaliação Educativa (Iave), o coordenador nacional dos estudos internacionais sobre o desempenho dos alunos foi afastado no mês passado, a poucas semanas da divulgação dos resultados da avaliação PIRLS (Progress in International Reading Literacy Study) que afere a literacia em leitura das crianças que frequentam o 4.º ano de escolaridade. Os resultados foram divulgados nesta terça-feira.

Ao que o PÚBLICO apurou, o afastamento de João Marôco, que no relatório internacional do PIRLS continua a figurar como o coordenador português, terá sido concretizado pouco depois deste ter apresentado ao presidente do Iave, Helder de Sousa, a primeira proposta do relatório sobre o desempenho dos alunos portugueses.

Este relatório tinha mais de 150 páginas, à semelhança do que se passa com o documento que no ano passado deu conta dos resultados do TIMSS (Trends in International Mathematics and Science Study), um estudo internacional que visa avaliar a literacia em matemática e ciências também entre os alunos do 4.º ano. Mas o relatório divulgado nesta terça-feira não vai além das 48 páginas, onde está incluída igualmente a análise ao novo estudo ePirls, que tem como objectivo avaliar as competências digitais em leitura.

O responsável pelo Iave, que é o organismo responsável pelos exames e pela aplicação dos estudos internacionais em Portugal, justificou esta opção de reduzir o tamanho da análise com uma “nova estratégia de comunicação” deste instituto público. “Constatámos que as pessoas não valorizavam toda a informação secundária disponibilizada antes e que depressa desligavam” da leitura do relatório, justificou Helder de Sousa em declarações ao PÚBLICO, acrescentando que os dados que não foram agora utilizados darão origem a outras análises, que serão “publicadas com regularidade”.

(pelos vistos somos burros… desistimos de ler às 50 páginas…)

Do SE Costa, que nunca é capaz de se responsabilizar seja pelo que for de mais controverso:

O afastamento de João Marôco foi oficializado por um despacho do secretário de Estado da Educação, João Costa, datado de meados de Novembro. O governante diz que se limitou a concordar com a proposta que lhe foi apresentada pelo Iave.

onfire

 

(algo me diz que o plano A – lembrem-se que a prova é feita em Fevereiro de 2016 – era capitalizar com os eventuais bons resultados  como tentaram fazer com os TIMMS 2015; o plano B foi culpar o Crato…)

Anúncios

2 thoughts on “Isto É Todo Um Manual de Hipocrisia

  1. O Maroco julgo ser sido escolha do Crato. Não surpreende que o limpem da estrutura.
    Este episódio revela também um Helder incrivelmente precoce, ainda antes das moderníssimas aprendizagens essenciais do SE Costa (aparte: é teu vizinho, certo?), o homem revela uma flexibilidade apreciável: muda o ministro (Lurdes, Alçada, Crato e agora o SE Costa “eu é que sou o guru”…) e o discurso ajusta-se, mesmo que se contradiga.

    Valter Lemos, queres voltar? 🙂

  2. Muito bem visto, Daniel… Já dizia o Padre António Vieira: o polvo, com aquele ar inocente, é um poço de hipocrisia… Não se percebe como é q esta figura IAVÉ se mantém naquele cargo, deve ter uma camisola de cada cor no armário… E os jornalistas não investigam o facto de haver gente a fazer exames e ao mesmo tempo a fazer manuais e que depois vão fazer propaganda a esses manuais? Corrupção e falta de ética protegida pelo senhor IAVÉ… Ninguém fala nisso? É ética tal conduta?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.