Domingo à Tarde

É aquele período de fronteira em que o fim de semana termina e a semana começa a anunciar-se. É aquele tempo que não é limbo porque já é preenchido pela antecipação do que há para fazer. Uma turma de 6º para ler o Ulisses e fazer o guião de leitura em Português e para dar a oposição ao Estado Novo nos anos 50 e 60 em HGP, mais duas turmas de 9º com a Segunda Guerra Mundial e uma busca pelo par de tutorandos desaparecidos desde o início deste período. Ter quase tudo preparado – e não stressar com a parcela deixada ao improviso – ajuda a que consiga digerir um fim de semana gastronómico capaz de fazer chorar qualquer promotor de dietas pretensamente saudáveis.

fernando Namora - domingo à tarde