Outro Problema de Fuso Horário

É o de muita comunicação social que agora já sabe tudo sobre fluxos financeiros. Sim, houve excepções. Sim, havia o risco de sofrer consequências com as denúncias sem ter o suporte do material judicial. Mas… jornalismo do dia depois, segurinho, praticamente todos podemos fazer. Enfrentar as bestas, antes que elas dominem tudo é que é de homens (e mulheres) de barba rija.

O que Eduardo Dâmaso escreve na Sábado de 5ª feira é verdade e ele até é daqueles que esteve em publicações que correram os seus riscos,  mesmo se há quem torça o nariz ao estilo. Mesmo se o estilo é adoptado logo que as coisas estão mais seguras. O que me canso de questionar é se ninguém desconfiava de nada do que se passava,  pronto, ao lado. Achavam mesmo que era tudo normal  que chovia ouro que dava para salpicar com tantos favores. Pois… apontar nomes e situações concretas é problemático, poderia criar mal estar entre colegas, levar a afastamentos e quem sou eu para saber exactamente quem, quando e como. Mas há tanto tempo que tanta gente se gabava de notoriamente estar a desfrutar acima das as possibilidades. Era só o Duarte Lima? A sério? Raios, eu que comprava tantos jornais em busca de informação… e ninguém sabia mais do qualquer comentador de café? E ainda me perguntam porque deixei um dos meus maiores prazeres/vícios… a compra diária ou semanal de papel impresso?

Como com o PS, andam agora muito apressados a denunciar o que já se sabe, sempre na esperança de – agitando uns quantos figurões – salvarem as tristes figurinhas que fizeram o cenário, o ambiente, o caldinho informativo de muitos anos (décadas?) de fretes ao serviço de poderes, dando a entender ao povinho muita mentira de forma voluntária, “plantada” progressivamente com menos decoro e subtileza.

Defendo uma “caça às bruxas”? Não, coitadas  delas que não existem, apenas me interessaria saber qual era a corte dos agora demonizados. Porque eram muitos e andam a disfarçar… aposto memso que até já andam com tochas nos teclados, a ver se a cristandade nova lhes assenta bem. Não lhes desejo mal daqui para diante, apenas que saibamos o que fizeram em tantos verões e invernos passados.

Sabado3MAi18

Sábado, 3 de Maio de 2018

 

One thought on “Outro Problema de Fuso Horário

  1. A hipocrisia a propósito do caso Pinho – Opinião – SÁBADO – Aliás, nas acusações associadas ao “saco azul” do BES lá aparecem os gestores modelo, alguns dos quais também foram ministros (esqueceram-se…). O problema da corrupção governativa é muito grave, mas a actual sofisticação veio de fora, das práticas empresariais, e não foi apenas o Grupo BES que andou nestes sarilhos. É mau? É péssimo, deve ser tratado sem nenhuma tolerância, mas também não fazendo de conta que estamos perante um caso único, a não ser que, mais uma vez, se actue com duplicidade.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.