Será Legal…

… remarcar reuniões em cima de outras e acabar por dispensar as pessoas de irem a umas para comparecerem a outras? A escrita é mesmo assim, não fui eu que inventei.

Estimadas e estimados colegas, sou a informar que,no caso em que exista sobreposição de reuniões, a presença nos Conselhos de Turma recalendarizados tem prioridade sobre a presença nos Conselhos de Turma que estavam inicialmente agendados.

Aceitem os meus respeitosos cumprimentos.

O Diretor

Mad

16 thoughts on “Será Legal…

  1. Não parece ser legal.
    As reuniões de avaliação sumativa exigem a presença de todos os professores do conselho de turma, exepto nos casos previstos nos respetivos normativos.
    Assim será útil recolher informação escrita do diretor e enviar para a plataforma dos sindicatos e/ou apresentar a situação à IGEC.

    Gostar

  2. Neste caso não é necessário fazer greve à primeira reunião pois a falta está justificada pela presença na outra!

    É o faroeste! Só não vale arrancar olhos, ainda!!!!

    Gostar

  3. Hum…hum… hum…será que não é uma competência adstrita à função de director (ou em quem o mesmo delegar) a distribuição do serviço docente assegurando quer eventuais “incompatibilidades” quer ilegalidades…no respeito e cumprimento da lei?
    Hum… Hum… Hum…se o dom da ubiquidade foi previsto no planeamento porque raios e coriscos não foi, igualmente, previsto na execução??? De manhã acordará, o Sr director, como personalidade inovadora e deitar-se-á resistente à mudança??? Como estará a meio da tarde?-conforme, talvez, a conveniência?
    É registar para a prosperidade e para quem de dever decidir!

    Gostar

  4. É uma forma de cumprir a lei e remarcar dentro das 48h…a maior parte das escolas necessitam de três dias para fazer as reuniões todas… Com exames e prova ainda são necessários mais dias… (donde se conclui que mesmo que os Diretores quisessem nunca poderiam marcar reuniões para o dia seguinte). Mas em algum dia tem de se marcar as últimas.. E na minha escola,
    qd quando deixar possível remarcar em 48h, deixa de ser possível (como diria o outro)… Se é para cumprir legislação, prefiro cumprir outra (e por exemplo, não se marcar reuniões para as 22h, sabendo que nem se vão realizar ao mesmo tempo que se tem de pagar horas extraordinárias, gastando recursos públicos de forma desnecessária…)

    Gostar

    1. Ou então, cumprir o que está estipulado a lei.
      Se não se consegue fazer em 48h, faz-se quando se puder.

      As “dispensas” são ilegais, contornam a lei e, em última análise, poderiam inviabilizar a greve.

      Gostar

      1. Por “conveniência de serviço” pode-se remarcar reuniões ainda não realizadas (e criar espaço para cumprir a alínea das 48 horas)…mas neste momento isto é uma bizantinice porque em algum momento (todas) as reuniões têm de ser marcadas…e com o nível de adesão à greve atual, é só uma questão de horas até à confusão total…

        Gostar

    1. Neste contexto (de greve) é seguramente uma tropelia ética…mas com poucos resultados práticos…. (já o marcar reuniões com menos de 1h30/2h é, além de um abastardamento das reuniões de avaliação – como o ME e a CONFAP quereriam, na semana passada-, uma ilegalidade …nem que seja porque vai contra o “espírito da lei”

      Gostar

    2. A propósito também do PCP, lembras-te do ar constrangido do MN quando nos unimos todos, aqueles 100 mil? A imagem está expressiva, página … deixa cá ver … no teu livro. Nós sabemos. Não estava à espera. Também não esperava os 20 000 e cá para mim, nem esta adesão por estes dias. Assim, não tardará um qualquer acordo. Preparemo-nos e resistamos mais uns 10 anos. Espero estar redondamente enganada.

      Gostar

      1. O MN precisa de uma “vitória” a todo o custo.
        Mas levar com os serviços mínimos na testa será mais uma derrota.

        E o embaraço começa a ser grande apesar do perfil no Notícias Magazine que tem uma passagem deliciosamente assassina que usarei em breve 🙂

        Liked by 1 person

  5. Realizaram testes ao consumo de coisas estranhas a esse director? Como tem orientação para o que fazer na 3ª reunião passa logo a essa…para quê a 1ª ou a 2ª ?

    Gostar

  6. Na minha escola há professores que ficaram com 30 minutos na hora de almoço entre duas reuniões. Ou melhor, ficariam, se a reunião se realizasse

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.