Porque Mentes, Anselmo?

És ignorante? Mas tens acesso a muita informação que te permitiria saber que as coisas não são assim.

É má fé, apenas porque és mais um operacional – um mst de 3ª linha, com certificação by baldaia – do PS nisto tudo, agora que já não há abrantes?

Claro que sabes que mentes e mentes com aquele desplante de quem sabe que a sua “progressão” não depende do rigor informativo ou de opinião baseada na realidade. Isto não é “liberdade de expressão”, embora apareça em espaço maquilhado de “opinião”, é distorção voluntária dos factos. Apostando no facto da repetição dar a aparência de verdade. E é aqui que não há margem para a relativizarmos.

Porque haveria o país de devolver com retroativos as progressões nas carreiras dos professores e não devolver, com os mesmos retroativos, as pensões que foram cortadas aos pensionistas? Ou o dinheiro da sobretaxa que todos pagámos? Que direito especial têm os professores, diferente dos restantes funcionários públicos, que viram os seus salários cortados e a sua progressão na carreira igualmente congelada?

onfire

(desculpa lá a forma de tratamento, mas as cortesias, em casos destes, não se aplicam, até por não ser a primeira vez que acontece o deslizar para a pós-verdade)

28 thoughts on “Porque Mentes, Anselmo?

  1. Ao Camilo Lourenço ainda reconheço uma linha de pensamento…
    O Anselmo parece ser apenas um peão de fazer pressão política, de veicular um interesse político particular na comunicaçao social.

    Gostar

  2. Porque perder tempo com o filho de uma profissional de serviços íntimos a troco de gratificação?
    Merece o maior desprezo. A mãe dele que o pariu!

    Gostar

      1. Pois somos Professores. Por isso é que merecemos ser respeitados. Se esta escumalha nao nos respeita, porque deveremos respeitá-los? O outro é que dava a outra face. Eu devolvo o desprezo. Não sou cristão (não é obrigatório, pois não? )

        Gostar

  3. Porque perder tempo com o filho de uma profissional de serviços íntimos a troco de gratificação?
    Merece o maior desprezo. A mãe dele que o pariu!

    Gostar

  4. são os amigos…..que vão rodando…..entre o DN/TSF/SIC/PUBLICO/EXPRESSO…..e outros….e onde para a avaliação de mérito deles?????? vão rodando!!!!!

    Gostar

  5. “Nas carreiras em que o tempo conta o que este orçamento faz é por o cronómetro a funcionar (…). Não há efeitos retroativos”
    Centeno dixit ( novembro de 2017).
    O “equívoco” virá daí?

    Gostar

  6. Anselmo é mentiroso, ponto. Se diz que não é mentiroso, então é incompetente, ponto. Enquanto jornalista, tem obrigação de apurar a verdade. Se não o faz, é mais um jornalista medíocre. Neste, caso, vendido à informação que lhe chega sem que ele se digne a verificá-la e filtrá-la, como era sua obrigação. Medíocre, Mentiroso e Vendido?

    Gostar

    1. Começo cada vez mais a achar que esta insistência na história dos retroativos, repetida até à náusea, não se deve apenas a pura ignorância e incompetência (embora possa ser isso em alguns casos específicos). Parece-me, isso sim, uma tentativa bem pensada e orquestrada de denegrir a imagem dos professores e das suas justíssimas reivindicações junto da opinião pública.

      Gostar

      1. Há 10 anos atrás foi a avaliação. Agora é esta. Tocam nos pontos mais sensíveis. Sim, denegrir sem dúvida e para distrair de problemas maiores. Não por serem um inimigo mas por se porem a jeito e não se saberem defender como deve ser. Não é o Paulo Guinote e mais uns 3 ou 4 que o farão apesar de serem os poucos que conseguem manter um ar de dignidade pública e reconhecida com exemplo à vista e comprovável. Ou seja, sindicatos, não o fazem. Individuais, salvam a honra e motivam milhares. E certamente ajudam a que outros se sintam obrigados a fazer alguma coisita o problema é que por norma, estragam. Veja-se o que aconteceu, repito, há 10 anos estrondosamente e em ciclos menores, ao longo de mais tempo e agora, na actualidade.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.