12 opiniões sobre “O Programa de Ontem

  1. Esteve,como sempre,muito bem o Paulo (na expressão facial percebeu-se que se estava a conter com muito esforço).

    Quanto ao resto,mais do mesmo: Os profes vivem,opinião generalizada, ainda no século passado e resistem às mudanças ( achei particularmente feliz a expressão do Paulo ” a criatividade fica triste” ).

    O SE passou a mensagem enganosa de que tudo está bem com os professores e que estes são muito respeitados pelo governo. Tal como acha o nosso presidente beijoqueiro.

    Enfim, num país em que a oposição ao governo se desmembra… Estamos por nossa conta e risco 😦

    Gostar

  2. E aquela dos médicos terem que estudar e, já agora, saber anatomia? 🙂 Algumas referências foram cirúrgicas, tal como a ironia, mas o tempo e o modo também não davam para mais…

    Gostar

  3. Mas desde quando profissões especializadas não tem de estudar continuamente?
    Mas desde quando é que os putos no fim das férias grandes ficam chateados das aulas recomeçarem? Desde sempre, certo, faz parte do ser humano.

    Gostar

  4. O Secretário é como os colegas de informática que pensam que , por sermos de História, ainda usamos tabuinhas de cera No ano passado um veio dar-nos formação8 péssima) a pensar que ia ensinar umas coisas bestialmente modernaças ( nós também estávamos à espera de aprender alguma coisa nova ) …. de tudo o que apresentou já todos conheciam e usavam .

    Gostar

  5. Os colegas de informática são é burros. Deviam estar quietinhos no seu canto como estão os colegas de historia.
    Queres partilhar informação??? toma e engole… fica mas é quietinho

    Gostar

  6. Só estou a ver agora. E começou o super-homem a falar. Muito bom. O teu companheiro à esquerda foi escolhido a dedo. Não entendo a expressão das pessoas na plateia! A Fátima segue o argumento cegamente, nem outra coisa conseguiria fazer.

    Gostar

  7. Acabei de ver, agora, o programa na íntegra. E.. como cá por casa deixou de entrar a rtp… a presença do Paulo Guinote no programa acabou por ser a excepção que confirma a regra…
    Não me arrependi, esteve muito bem.
    Assertivo, pragmático, com memória e documentado.
    Representou-me muito bem em todas as intervenções que pôde fazer!
    Por muito que ainda haveria a dizer, factualmente não dava para mais.
    Adorei, entre outras que já por aqui foram mencionadas, aquela do …tenho aqui as aprendizagens essenciais… são, conceptualmente, o mesmo que há 30 anos quando comecei a dar aulas…só tiraram os traços… Fantástico. Um portento.
    Parabéns, Paulo! Obrigada por dizer aquilo que também são as minhas convicções.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.