A Meio da Semana Começam a Faltar-me As Palavras Para Isto

Não é por ser pessimista ou “guinote do restelo” (expressão saída da cabecinha do pai Albino no mural do fbook do SE Costa por altura do prós&contras) que estas coisas me deixam assim como que desvinculado do ponto de vista conceptual e cognitivo.

Eu sei que a colega que me enviou isto (Portuguese-manual Resiliência) o fez com a melhor as intenções e eu quero desde já dizer que acho muito importante promover a “resiliência” em toda a gente que não pertença à “elite” político.empresarial nacional e respectivas cortes.

O que me desvincula é perceber que isto é daqueles projectos “europeus” (a publicação tem perto de 3 anos) que a UE apoia com generosidade, bastando ver a quantidade de autores e colaboradores (são as 3 páginas entre a 4 e a 6 do documento) espalhados por uma série de países periféricos da Europa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Recomendo vivamente a leitura dos testemunhos de alguns dos participantes (pp. 18-19) que me fazem pensar que realmente há pessoas a dar aulas que parecem andar com os olhos fechados a maior parte do tempo e a necessitar de vez uma qualquer “Luz” que lhes ensine o básico da função que exercem.

Mas para dar cabo mesmo de tudo, apesar da má qualidade gráfica, é indispensável dar atenção ao mapa conceptual do projecto ali na página 21. Entre o “Ser” e o “Tornar-se” há o “Fazer”.

Resil1

Senti-me esmagado. Mas sou resiliente. Hei-de conseguir ler o resto, apesar dos quase incontroláveis acessos de riso ao ler passagem atrás de passagem do mais puro linguajar eduquês arraçado de outras “capacitações” transcendentais, meditativas, holísticas e very mindfulness.

5 thoughts on “A Meio da Semana Começam a Faltar-me As Palavras Para Isto

  1. É só vómito. Depois admiram-se que tenhamos questionários como aquele da escola em Gaia que pergunta a crianças de 9 anos se gostam de machos ou fêmeas!
    Rogo a Deus que me proteja de tanta idiotice.

  2. Não consigo ler, é muita tralha e muita preguiça (ou cansaço) da minha parte. Como nos conhecemos digitalmente há muitos anos, espero que o Paulo leia e depois eu deito os olhos ao resumo. è isto…… um abraço 😉

  3. “Guinote do restelo”! O pai albino não tem registo de melhoras. Deve ser por aplicar as técnicas, ou lá o que isso é, para a resiliência.

  4. Tanta página que pode ser resumida no lema “ser-resiliente-é-aguentar-toda-a-injustiça-que-te-façam-sem-protestares-e-mostrando-sempre-satisfação-e-agradecimento”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.