Enfermeiro

Foi a palavra do ano para 2018, com 37,8% dos votos contra 33,4% de “professor”. Parabéns. Souberam mobilizar(-se). Perceberam como se travam guerras mediáticas.  Que interessam mais do que aplicar o guião formatado. Eles, sim, estão no século XXI. Há quem ainda ande a catar as barbas do Lenine. E alguns que não andam, nem sabem bem ao que andam.

Megafone

 

10 thoughts on “Enfermeiro

  1. Estes “professores” não vão a lado algum. Nem conseguiram perceber que tudo se decide nos “media “ e que o tempo de antena é essencial…e cada vez mais escasso…
    Por isso os enfermeiros já têm o tempo de serviço contabilizado na totalidade e já estão noutras “lutas”!
    Sempre gostava de saber quantas horas passaram a “cuscar” no Facebook estes professores que não tiveram alguns segundos para fazer da “sua” a palavra do ano.
    O desprezo dos governantes não acontece por acaso…eles estudam devidamente o “mercado”.
    Miserável …ou deveria dizer miseráveis…

    1. CJ,
      Infelizmente, e no essencial, concordo com o que diz.
      Não sei se os professores estiveram entretidos com a irrealidade nas redes sociais, mas tudo indica que muitos anda(ra)m a dormir.
      Peço desculpas pela linguagem, mas a paciência tem limites.

      Tenho a consciência tranquila, porque fiz a minha parte e talvez um pouco mais. Divulguei bastante a iniciativa junto de pessoas amigas e votei diversas vezes na palavra Professor.

      Enfim, perdemos uma boa oportunidade de ‘oxigenar’ a nossa classe junto da opinião pública.

  2. Fico contente pelos enfermeiros e nós… vá lá , vá lá não ficámos nada mal.
    No meio de tanta conversa, tanta treta ,tanta mistura de problemas importantes com “mijinhas ” e tanto jogo escondido pelos Nogas e companheiros… ficámos melhor do que esperava.
    Triste,mas é o que penso .

    1. Olá, Magalhães!
      Também fico contente pelos enfermeiros, porém ficaria muito mais contente e até um pouco mais tranquila e orgulhosa se estivesse aqui a parabenizar todos os colegas professores…
      Quanto aos enfermeiros, o Paulo já disse tudo o resto neste post.

      Se não quisermos ser “esmagados” pela CS e, consequentemente, pela opinião pública, precisamos de aprender algumas coisas: capacidade de mobilização, de união, sentido estratégico e sentido de oportunidade (no mínimo)…

      1. Olá,Ana !
        Concordo e subscrevo o seu comentário.
        Precisamos de “gente nova” e que saiba falar. Falar calmamente,sem ter sempre uma pedra na mão. Gente que tenha uma imagem nova,calma e poucas peneiras.Mas eu volto à minha … será que os nossos ilustres representantes estavam mesmo interessados numa contagem dos 942 para todos os colegas ? Nunca me pareceu,contagem de parte dos 942 para todos e mais uns trocos.Sim trocos a utilizar na antecipação da data de aposentação já para uns tantos (Nogas,etc).E seria para aplicação no futuro ? Poderiam garantir que sim,mas até lá…

  3. Não estou a ver qual é o problema de ser essa a palavra do ano e não outra, nem estou a entender como algumas pessoas até cultas estão a dar importância ao caso. Isto até parece uma coisa de “putos”.

  4. Não há qualquer problema em ser essa a palavra do ano. Como não haveria problema nenhum em ser “Professor” a palavra eleita.
    O problema vai muito para além das palavras…
    Mas há palavras que ajudam a resolver problemas que foram criados por pessoas para quem “putos” é um epíteto quase elogioso.

    Não são ‘coisas’ de “putos”, não. E mais: até os ‘meus’ “putos” seriam capazes de perceber isso.
    Percebeu, sr. Porfírio?

  5. Olá, Magalhães! Boa!
    Ou isso, ou foi consultar o oráculo. 😉

    Ainda bem que estou adoentada… caso contrário, “deitava-lhe as cartas”… e fazia a leitura da ‘coisa’ com outras palavras. 😊

Deixe uma Resposta para Ana A. Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.