E Fecho O Dia Com Uma Verdadeira Pérola Que Só Posso Transcrever Integralmente Pois Tem Reconfigurações, Paradigmas E Transformações Absolutas

Portalegre/Educação: Ariana Cosme reúne professores e psicólogos para “transformar a escola”

Cerca de uma centena de professores e psicólogos do distrito de Portalegre vão participar, sábado, numa sessão de trabalho centrada na Educação Inclusiva.

Ariana Cosme, professora de Psicologia e de Ciências da Educação na Universidade do Porto e autora de obras sobre a reconfiguração da profissão docente, vai estar em Portalegre para trabalhar com os docentes e “ajudar” a mudar a prática de sala de aula, mudando o paradigma educativo.

Em declarações à Rádio Portalegre, Luísa Moreira, do Centro de Formação de Professores do Nordeste Alentejano (CEFOPNA), promotor da iniciativa, disse que “o que está em causa é uma transformação absoluta do que é o mundo da escola”.

Segundo a professora, esta transformação pretende “olhar a escola centrada em cada aluno, construindo um plano de aprendizagem individual”.

A sessão de trabalho, com o apoio da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA), vai decorrer sábado no anfiteatro do agrupamento de escolas do Bonfim, em Portalegre, entre as 9h30 e as 17h30.

Burros

(isto “semos” nós, os que ainda não captaram o espírito do novo paradigma transformador inclusivo reconfigurado)

 

26 thoughts on “E Fecho O Dia Com Uma Verdadeira Pérola Que Só Posso Transcrever Integralmente Pois Tem Reconfigurações, Paradigmas E Transformações Absolutas

  1. Plano de aprendizagem individual. Passemos adiante um professor elaborar 200 ou mais PAI (Planos de Aprendizagem Individual) e centremos-nos noutra coisa: esse PAI não irá fazer com que as desigualdades que os FILHOS arrastam quando chegam à escola se acentuem?

    Ainda noutro dia disse numa reunião de departamento que os psicólogos, entre outros, tinham invadido a escola e sobreposto à classe docente. Em suma, toda a gente percebe de educação, exceto… os professores, como é óbvio.

    Gostar

  2. Adoro o “plano de aprendizagem individual” e adorarei ainda mais se for definido pelo próprio aluno e encarregado de educação! Os professores que não sigam as orientações e a vontade superior dos iluminados discentes deverão ser sujeitos a falta disciplinar com suspensão de 3 dias, no mínimo! Este maravilhoso mundo novo educacional vem dar o empurrão final a uma escola que está em processo de afogamento há algum tempo. O currículo self-service em todo o esplendor: o paradigma da escola obrigatória e da aprendizagem facultativa. Os velhos professores são um entrave a esta deriva pós moderna, só os pedagogos do século XXI estarão habilitados a proporcionar a felicidade instantânea aos petizes ao mesmo tempo que lhes enfiam no “bucho” as competências para os empregos que ainda não existem. O mais importante será mesmo formar cidadãos para o século XXI; consumidores acéfalos de todo o tipo de tralha impingida por um capitalismo cada vez mais voraz.

    Gostar

  3. Aquilo está a desertificar. Não se corre grande risco. Deviam antes experimentar na lusa Jamaica. Isso é que era um teste transformador da reformadora.
    Luxo mesmo era uma comissão interdisciplinar para recriar a escola: um decorador de interiores, um cabeleireiro e uma terapeuta pela leitura da aura.

    Gostar

  4. Esses planos educativos individuais trouxeram-me à memória o ensino recorrente para maiores de 18 em que tínhamos na sala alunos em diferentes unidades capitalizáveis e andávamos de um lado para o outro a mandar fazer exercícios de cada unidade em jogo. Era uma “festa”!

    Gostar

    1. No ensino recorrente era necessário trabalhar para ter as unidades e agora o PAI resolve tudo, os alunos não têm que fazer nada, logo é tudo muito mais calmo.

      Gostar

  5. se passarmos para um modelo de uma turma por professor, o plano individual implementa-se sem qualquer problema.
    de outro modo, já não perco tempo com contraditório porque a real politik nas escolas nunca traduzirá literalmente essas pedagogias…

    Gostar

  6. Essa “senhora” que venha para uma escola, trabalhar com 150 ou 200 alunos, por em prática as teorias que apresenta.
    Só por elegância na digo: “teóricos de m****”.

    Gostar

  7. Irmãos, já conseguem ver a Luz? E como estamos de Epifanias, já sentem alguma? 🙂

    A sério, isto parece propaganda vinda de um qualquer culto duvidoso ou seita manhosa…

    Gostar

  8. Comentário pejado de ironia, para “adoçar” um pouco este dia cinzento (ou então, não, mas cá vai na mesma):

    E, agora, vamos falar de coisas realmente sérias:

    Repararam que ontem à noite o meu Sporting foi absolutamente prejudicado/tramado pela arbitragem no jogo contra o Vitória de Setúbal? Vergonhoso!!!

    E mais não digo para não ferir susceptibilidades várias… 🙂

    Gostar

  9. E os “Centros de Formação de Professores”, como o que promove a coisa… porque os alimentamos com a nossa comparência nas suas ações?

    Proponho “uma luta” – Boicote aos Centros de Formação de Professores…
    Até porque não se perde absolutamente nada…

    Gostar

  10. Quando vi essa senhora num webinar do ME, fiquei estarrecido…
    É se fugir!
    Até acho que estará bem intencionada, mas está a anos luz da escola. Não faz a mínima da realidade dos professores. É como se estivesse nas nuvens, percebem?

    Gostar

  11. É quase elogioso, Manuel.
    Pois, nas nuvens… Ou seja, a sra é um anjo. 😇 Quando passar o inverno, pode ser que vá para “outras paragens”.
    Foi bonito e elegante da sua parte. 😊

    Gostar

    1. Sim, Ana,

      Tentei ser cortês. Mas, diga-me lá se isto não é, no mínimo, deprimente? Estão a imaginar os alunos de 6, 7, 8 turmas com uma prof assim? No mínimo, trepavam pelas paredes🤣🤣🤣🤣

      Gostar

  12. Toca a propor ações de formação tendo como paradigmas os ministros e a escola, os presidentes da camara e da junta e a escola, a igreja e a escola, os psicólogos e a escola, os pais e a escola…..e os paradigmas a enfaixá-las.

    Gostar

  13. Que bom para o agrupamento do Freixo.
    Flexibilização a 100%…?? 🤔

    Será que por lá se sente frio nas salas? Há humidade ou chove dentro delas?
    Só por curiosidade.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.