Não Terá Algo A Ver, Por Exemplo Com A Distribuição Das Direcções De Turma E Outros “Pormenores” Como A Substituição De Docentes Que Pode Levar A Somar Horas Iguais Como Se Fossem Diferentes?

Para além de que só vendo os dados concretos que o ME conseguiu apurar durante o fim de semana, eu poderei confirmar se o que está escrito é verdade ou mentira. Por uma questão de regra, o ME mente nestas coisas ou usa dados truncados ou mal contextualizados. Basta verificar que sobre os tempos atribuídos a História e Geografia a mentira é por demais evidente, porque o tempo mantém-se, mas acrescenta-se uma disciplina que pode ser leccionada por qualquer docente, de qualquer grupo disciplinar.

O ME fez uma verificação dos horários atribuídos aos grupos de recrutamento de História e Geografia e chegou à conclusão de que “há mais horas atribuídas a estes grupos em 2018/2019 do que em 2017/2018”. Estes dados não garantem, por si só, que haja mais horas de aulas das duas disciplinas neste ano lectivo, mas permitem afastar a ideia de que ambas estejam a ser particularmente prejudicadas como tem sido defendido pelas associações de professores, explica a tutela.

Ao PÚBLICO, o ministério sublinha ainda que o número de horas de aulas de História e Geografia definidas por lei não sofreu cortes com a revisão curricular recente. O decreto de 2018 prevê tempos semelhantes (cerca de 700 minutos semanais) aos que estavam definidos em 2012.

Basta verificar que se o tempo atribuído às Ciências Sociais é o mesmo, o “truque” é por demais evidente, pois acrescenta-se uma disciplina a retirar desse total que pode ser leccionada por qualquer docente, de qualquer grupo disciplinar.

Aliás, é muito simples… basta verificar os horários desde ano e dos anos anteriores. Não sei com a Geografia, mas em História a regra é a perda de um tempo semanal num dos anos do ciclo de escolaridade e não há spin doctor do ME que prove o contrário sem apresentar os dados originais que usou, devidamente desagregados.

Porque o “nº de professores” ou o “total de horas” dos grupos disciplinares em causa podem esconder muitas outras coisas ou o tratamento de situações muito diferentes como se fossem “mais horas”. Com o ritmo de atestados e de substituições de substituições acredito que se somarem tudo darão mais horas e professores. Mas a disciplina de História tem, em regra, menos tempos, no conjunto do 3º ciclo e também a própria HGP no 2º ciclo está a ir pelo mesmo caminho.

Fake

3 thoughts on “Não Terá Algo A Ver, Por Exemplo Com A Distribuição Das Direcções De Turma E Outros “Pormenores” Como A Substituição De Docentes Que Pode Levar A Somar Horas Iguais Como Se Fossem Diferentes?

  1. Na minha escola bastou a redução decorrente do envelhecimento para dar mais um horário este ano. E vai continuar a aumentar o número de docentes pela mesma via.

    Gostar

  2. O ME deve ter-se enganado… mais turmas SIM, distribuídas aos professores…
    Exemplos (docentes com mais de 25 anos de serviço)
    -52 anos e 7 turmas, 58 anos e 6 turmas+ 1 turma de cidadania , 51 anos e 8 turmas+ 3 tempos de cidadania em regime semestral …e podíamos ir para os exemplos de colegas com horário de 20 ou 22 tempos com 10 e 11 turmas…
    A diminuição de 2 tempos para as disciplinas de Ciências Sociais, mesmo com a redução por idade, em alguns casos, tem aumentado o nº de turmas para o docente.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.