Contratos

Dois contratos (este e este) de quase 20.000 euros por 141 dias de trabalho para “desenvolver as atividades específicas do Centro Qualifica do CEFPI – Centro de Educação e Formação Profissional Integrada”?

Por Sintra, por cerca de dois anos, são 264.000 euros para “Aquisição de serviços de formação e capacitação de pessoal não docente, no âmbito do Plano Inovador de Combate ao Insucesso Escolar, a desenvolver no Concelho de Sintra, até final de 2020”. A entidade adjudicatária é a “Associação de Professores de Sintra”.

Em qualquer dos casos, a pegada digital dos adjudicatários inexiste.

E entre muita outra coisa, encontram-se 40.000 euros contratualizados para “viagens e estudo” de acordo com um contrato (com uma data com quase um ano de diferença em relação ao registo que aparece na base de dados) que não se encontra o anexo com o caderno de encargos.

O que um tipo encontra quando lhe sobram 10 minutos.

Surprise

Excepção

Àquilo de um tipo não comentar actualidades, embora não seja bem isso.

Mas…

… já repararam que Marcelo esteve para Costa como Cavaco esteve para Sócrates nos conflitos com os professores, mais telefonema oportunamente insinuado para a comunicação social, menos perdigoto apastelado em declaração ininteligível?

dupontd

 

Ablução

Mais do que uma questão religiosa, embora espiritual, é uma estratégia de higiene intelectual pessoal: a partir da palhaçada desta semana não ler a generalidade das prosas encomiásticas sobre o actual PM, a vitória da “responsabilidade”/do interesse dos “portugueses”, a favor ou contra o Mário Nogueira e a Fenprof, a favor ou contra a hipocrisia da Direita/Esquerda e tudo o mais. Resta perceber que a máquina do poder que está se tornou mais eficaz e poderosa do que há uma década. Não vale a pena espernear, uma derrota é uma derrota e não adianta dar satisfação aos abutres (como aquele que destrata professores ao mesmo tempo que considera que o processo contra Sócrates é um “monstro”) e harpias do regime (mesmo que com unhas bem pintadas). Ou dar troco a quem não reconhece o fracasso de uma estratégia. Sim, eu sei que isto é, de algum modo, responder a algumas criaturas. Mas, acreditem, seleccionei apenas um pouco do pior que há por aí na condição pretensamente humana.

PlayPause

 

Sábado

Os tu-tkuk e aquela estupidez das trotinetas multi-terreno por todas as superfícies disponíveis da baixa lisboeta acabam de substituir as casas de fado como o meu particular quarto cavaleiro do apocalipse, aproximando-se bastante do terceiro lugar ocupado pelas couves de bruxelas.

rickshaw2