Domingo

O que mais me estimula na semestralização da avaliação é a mensalidade das reuniões de monitorização dos “progressos” verificados e das estratégias a implementar. Porque depois o “semestre” é muito longo e será indispensável um acompanhamento. Por maioria de razão nas disciplinas que atribuírem classificações ao semestre. E vai ser tãpo bom reunirmo-nos muito mais do que agora em defesa do interesse da objectividade holística de uma avaliação flexível desde que enquadrada em grelhas.

Se não acreditam confiram com o que já existe em matéria certificada de mais do que boas práticas.

zandinga

 

13 thoughts on “Domingo

  1. Uma rede cada vez mais densa, sem nenhum norte e, por isso, o que interessa é continuar a adensá-la para não dizer que morreu estrangulada há muito tempo. O que me parece incompreensível é a quantidade de alucinados que julgam detectar a inteligibilidade do caos. A começar pelas equipas de acompanhamento e grupos de trabalho.
    A “monitorização” passou a ser “O” trabalho na escola.
    Quando passa esta moda? Já tarda.

  2. Só mesmo os incautos, os parvos e os incapazes de traçar o mínimo dos mínimos de linhas de tendências com base em práticas involutivas acreditavam que ía haver menos burocracia e menos reuniões…
    Mas…infelizmente, como ainda são muitos, a merd* pega, agarra-se e consolida-se!

    1. AH…esquecia de mencionar os que aderem pois gostam mesmo é de pouco trabalho com o Saber científico; adoram conversa de café, festas/ comemorações e projectinhos da tanga para aparecer na TV como inovadores e à boa maneira portuguesa, lambuzam-se a ouvir-se/ fazer-se ouvir, especialistas no “faz-de-conta” nos relatórios cheios de nada e de grelhas cheias de cruzes…

  3. Nada tenho contra reuniões mensais desde que estejam no nosso horário, sem este ser aumentado claro! Já sabemos também que não é isso que irá acontecer!! Visitei uma escola secundária em Espanha há muitos anos e nessa altura os professores de lá tinham só 18 horas de aulas no horário e outras duas horas para reuniões semanais e mais nada. Quanto à semestralização há escolas que a estão a ponderar como meio de melhorar o sucesso escolar. Pelo menos poderão dizer que fizeram alguma coisa quando as inspecções ou as universidades dos projectos vierem inspeccionar, percebem? Parece que o que conta é a intenção! Mas de “boas” intenções está o inferno cheio!

  4. Volto a dizer, ponha – se com semestrelizações e vão ver o que é bom pRaa a tosse.
    Menos interrupções letivas, mais reuniões, etc…

  5. Estou um tanto ou quanto atrasada, mas esta questão, para mim, é importante e não está clara. Não sei se há colegas com essa experiência que possam ajudar a perceber melhor as consequências que advêm da opção pela organização semestral do ano letivo. Vai ser discutida no próximo C.P. da minha escola e a tendência da maioria dos departamentos parece ser a da avaliação semestral. A ideia é ter uma divisão do ano mais equilibrada, penso eu. Isto é o modo de olhar de quem está de boa-fé. Quando abordámos este assunto na nossa reunião até me pareceu bem. No entanto, vendo e sabendo o que sei, lendo o que leio, estão-me a surgir dúvidas atrás de dúvidas. Será mesmo que se trabalhará – alunos e professores – com mais tranquilidade e menos pressão (este período tem sido uma loucura, para os alunos e para nós)? Ou vai ser tudo atraiçoado por esta mania dos papéis, das burocracias, da dita monitorização? Ou vamos ter mais dias de aulas, menos dias de pausa letiva, mais cansaço, esse enormíssimo cansaço que já é coisa que não nos larga. Confesso que não tenho conhecimento do que se passa efetivamente nas escolas que já optaram por esta divisão do ano letivo (não estou a falar de semestralização de disciplinas, mas apenas da organização semestral do ano letivo). O que me parece é que somos levados a tomar decisões sem completo conhecimento das suas consequências e pergunto-me se isso não será propositado… A confiança que tenho na tutela e nas direções é nula e talvez julgar que alguma coisa pode melhorar seja demasiada ingenuidade… Obrigada, desde já, se o Guinote ou algum colega puder fazer algum esclarecimento com conhecimento de causa ou dar uma orientação nesse sentido.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.