O Problema De Assistir A Comunicações Em Que O Comunicante Gosta Notoriamente De Falar Repetidamente No Mesmo Tema E Tem Do Tempo Uma Concepção Muito Relativa

Acontece. E tanto mais quanto mais notáveis se sentem no domínio da matéria. O tempo passa, escoa-se, esgota-se e a torrente é imparável, mesmo que seja pela décima vez que se fala no mesmo, há sempre um ângulo novo para dizer que um quadrado tem quatro lado e devem ser iguais.

E quando passam 15 minutos do tempo, o “moderador”, timorato, apresenta o papelinho dos 5 minutos e ouve-se uma das fórmulas sacramentais “estava mesmo a acabar, são apenas mais duas palavras”.

Claro que não são duas palavras, nem sequer 20 ou 200, ninguém espera isso. Pela medição do tempo académico 5 minutos para terminar uma comunicação são 10 minutos, pelo menos.

Quando ao fim dos tais 5 minutos se ouve um “portanto”… alguém que como eu foi criado a considerar “portanto” como uma conjunção coordenativa conclusiva, tende a suspirar de alívio e pensa que faltam apenas mais os tais 5 minutos adicionais da praxe académica.

Só que não… a gramática deu voltas e “portanto” passou a advérbio conectivo e não necessariamente conclusivo. Pelo que passados os tais cinco minutos surge um “então, agora mesmo para terminar” e há um rasto/resto de inocência em nós que quer acreditar, mas a realidade impõe-se para felicidade do orador que já está na esquina mais afastada da estratosfera do tema inicial. E segue-se um novo “portanto” e a dor torna-se dormência e já se espera por tudo até que, após pelo menos um par de “para concluir”, 25 minutos depois do papelinho original, inevitavelmente, ouve-se um “não tenho mais tempo, se não desenvolveria mais este aspecto de um tema que ficou por analisar melhor” e quando se segue um breve momento de silêncio, que confirma o final da análise em penosa profundidade daquela questão que quase nos interessou quando lemos o título, apetece cavalgar nos aplausos, porque, enfim, a torrente terminou.

Cry

One thought on “O Problema De Assistir A Comunicações Em Que O Comunicante Gosta Notoriamente De Falar Repetidamente No Mesmo Tema E Tem Do Tempo Uma Concepção Muito Relativa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.