5ª Feira

Se tantos “ralatórios” que vejo fazer servissem para alguma coisa, se contivessem alguma interpretação da informação e não mera descrição, se conseguissem evoluir numa visão prospectiva da acção, ainda poderia achar que não são mera formalidade, mera prova de vida de quem repete mecanicamente o mesmo e, apesar disso, não conseguindo ir além das máculas do costume. Muita transpiração about almost nothing.

dog_spinning_pn_turntable

6 thoughts on “5ª Feira

  1. Acabei de ler uma resma (dezenas) de relatórios de autoavaliação por causa da ADD.
    Maioritariamente, são descritivos no vazio: pratiquei o ensino individualizado. Ok! Como em concreto? Com quem? Quando?

    Isto tudo é uma valente (…)!

    Confesso que há outros relatórios que já nem faço. Para quê? Para ninguém ler?

    E cruzinhas?

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.