Apenas Por 14,90 (13,41 Com Desconto)

O que poderei dizer em relação a isto, que acho de um oportunismo descarado?

A componente curricular de Cidadania e Desenvolvimento, introduzida nas matrizes curriculares dos ensinos Básico e Secundário pelo Decreto-Lei n.º 55/2018, chegou às nossas escolas e lançou novos desafios a toda a comunidade escolar.

Face a esta nova realidade, os autores Rui Trindade e Ariana Cosme prepararam um livro com o objetivo de apoiar os professores no processo de reflexão, tomada de decisão e desenvolvimento de iniciativas relacionadas com a componente curricular de Cidadania e Desenvolvimento.

A obra contém uma primeira parte mais teórica, seguindo-se uma parte que apresenta propostas práticas e estratégias de ação, dando a conhecer alguns projetos e sugerindo outros que permitem partilhar ideias, decisões estratégicas, instrumentos de organização do trabalho, recursos e reflexões no sentido de inspirar e apoiar o trabalho concreto de professores e alunos nas escolas.

A editora faz pela vida, aposta na malta que corre atrás do que deveria ser material oficial e não comercial, produzido por quem esteve ligado à legislação aprovada e do decoro conhecerá a palavra mas vagamente aquilo que significa.

Claro que não é “ilegal”, é apenas “imoral”, mas é toda uma escola deste género que se agrupa em torno de quem acha tudo isto normalíssimo.

Do 1º ao 12º ano, claro.

Alcatrao2

20 thoughts on “Apenas Por 14,90 (13,41 Com Desconto)

  1. A corrupção também é isto. E o à vontade, a naturalidade… Como se tudo fosse normal. Quem nada no pântano não se apercebe do cheiro.

    Gostar

  2. Num lugar sério estas personalidades seriam corridas com alcatrão e penas…por cá é mais um livro para os escaparates e revistas de associados e de editoras….mas também acho que muitos desses livros aparecerão em fotocópias de fotocópias e os autores não receberão um chavo dos direitos de autor.

    Gostar

  3. Confesso que, no ano transacto-ainda-não-concluído, quando me deparei com a atribuição de serviço, entrei em estado de choque.
    Dela fazia parte CIDES…que raio vou fazer com isto? Como pessoa desequilibrada, entrei em pânico. Pesquisei, questionei,…e era um negro NADA. Só as palavras lindinhas de ordem que, desmontadas, redireccionavam para o NADA.
    1ª aula de 2018/2019? CIDES com um 7º ano! Arre.
    Reuniu-se com a Coordenadora, e quero deixar aqui um grande agradecimento ao seu esforço, sim, porque a malta tem a “mania” de não valorizar o trabalho de colegas, e do NADA e da postura tranquila e assertiva da colega, começou a desenhar-se algo.
    Foi neste contexto que comprei o livro da Ariana Cosme. Muita teoria, que já tinha lido nos normativos, mas, para efeitos práticos, de pouco me serviu (já nem me recordo o quê). Hoje anda por aqui pelo escritório…não sei bem onde.
    Por isso, concordo com o dito pelo PGuinote, ressalvando que, quando a malta está aflitinha da vida com o arranque de ano lectivo, por vezes, até limão retardado chupa.
    Bom dia.

    Gostar

    1. …”Muita teoria, que já tinha lido nos normativos, mas, para efeitos práticos , de pouco me serviu”

      Que mais esperaria desta arrivista senão repetir à náusea os chavões e frases feitas, que retira a gancho dos normativos e dos livrecos das “ciências” da educação ?

      Ai dona Ariana, dona Ariana ! Sorte das criancinhas da escola primária não a terem como mestre-escola.

      Gostar

  4. O mesmo já tinha acontecido com a Area de Projeto, o Estudo do Meio, a ADD e outras tretas que tais. Quem não se lembra do caderninho da sra Cohen?
    É só faturar. O que me faz espécie é os professores irem na cantiga. Estupidificaram de vez? Não têm nada mais interessante em que gastar o vil metal? Pois eu prefiro estoira-lo em livros, teatro, cinema, viagens, chocolates… ou num bom charro😋

    Gostar

    1. nem um cêntimo, isso era roubar os meus filhos, se a minha entidade patronal não paga um lápis, caneta, caderno, electricidade ou o pc que uso para trabalhar, jamais gastarei dinheiro importante para a vida dos meus filhos. Quanto a esta “nobidade” mal parida nos corredores bafientos da “escola holistica”, já nasceu em estertor mortal, dou-lhe 5 anos, daqui a 3 se calhar já implodiu….venham mais uma reforma que 40 em 30 anos é coisa pouca.

      Gostar

  5. Pois eu não sou jurista mas se a coisa não é ilegal anda ali pelas bordinhas…
    Reparem que a senhora está em funções públicas por ação do Despacho que linko abaixo:

    Click to access despacho_5908_2017.pdf

    vai daí que fazer uns livrecos para ganhar uns tostões mancumanada com uma editora tem que se lhe diga:

    Artigo 335.º (do Código do Procedimento Administrativo)
    Tráfico de influência
    1 – Quem, por si ou por interposta pessoa, com o seu consentimento ou ratificação, solicitar ou aceitar, para si ou para terceiro, vantagem patrimonial ou não patrimonial, ou a sua promessa, para abusar da sua influência, real ou suposta, junto de qualquer entidade pública, é punido:
    a) Com pena de prisão de 1 a 5 anos, se pena mais grave lhe não couber por força de outra disposição legal, se o fim for o de obter uma qualquer decisão ilícita favorável;
    b) Com pena de prisão até 3 anos ou com pena de multa, se pena mais grave lhe não couber por força de outra disposição legal, se o fim for o de obter uma qualquer decisão lícita favorável.
    2 – Quem, por si ou por interposta pessoa, com o seu consentimento ou ratificação, der ou prometer vantagem patrimonial ou não patrimonial às pessoas referidas no número anterior para os fins previstos na alínea a) é punido com pena de prisão até 3 anos ou com pena de multa.

    Vai daí que desconfio que dificilmente a dama e o cavalheiro referidos se devem vir a ver esfolados de alguma forma. Se isso acontecesse a malta ligada ao Ler+ e ao Acordo Ortográfico seriam condenados às galés.

    Mas lá que a coisa está pelas bordas… ahhh, isso está!

    Gostar

      1. Pois… mas depois arranjam umas formas de contornar isso. Não é de agora. Há um “nicho” que, quando trabalha para o mE, ao contrário dos anos 90 em que faziam chegar material explicativo às escolas em quantidade suficiente para quase todos, agora chegam apenas explicações “oficiais” e o pessoal que compre os livrinhos…

        Gostar

Deixe uma Resposta para Magalhães Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.