5 thoughts on “Fechando A Loja…

  1. Enquanto a maioria silenciosa permanecer arredada das urnas e o BCE conseguir “imprimir” dinheiro o PS aguenta-se. No entanto, por cada dia que passa, torna-se mais provável que muitos governos caiam na rua. O do PS não escapa a essa lista, apesar da campanha de RP que pretende que se encontrou uma solução para o sistema neste cantinho da Europa.
    Não me espantaria que os emigrantes metessem mais um dos pequenos na “confusão”.

    Gostar

    1. onde é que o BCE imprime dinheiro ó energúmeno? Vá lá aprender como se cria dinheiro e depois voltamos à conversa
      O PS aguenta-se pois governa nos costumes para a esquerda, soube assimilar a gerigonça como sua, andou 2 anos a trabalhar para o micro-voto em inúmeras políticas e a sondar onde é que o povo iria sentir-se mais “acarinhado” (conheço 2 da cúpula mais interna do Costa que passaram meses nisso), aproveitou a onda do turismo para crescer o GDP e a taxa de emprego ter subido(emprego de má qualidade mas emprego), seduziu parte do centro-direita com a m3rdic3 das “contas certas” e aproveitou o facto de que a direita troikista governou com um caderno de encargos não só errado como muito mau até 2015.
      A “maioria silenciosa” que se lixe se não vota. Que se manifeste

      Disclaimer: não votei PS , aliás tive numa rede social vários arrufos com socialistas por estar constantemente a massacrá-los com a nojeira do código laboral ser de puro centro-direita. Um deles, amigo de alguma data, agora não me fala. Que se ph0d4

      Gostar

      1. Tem toda a razão, não “cria”, injecta(-se). Se soubesse tão ilustre a audiência teria usado de maior rigor. E se interromper as injecções, nem que seja por um mês, Thomascookiza-se algo logo de seguida.
        Quanto à “onda do turismo”, ela tem as costas largas. Dizem por aí que a Espanha ganha quase tanto com os turistas do Algarve como Portugal. E também se comenta nos mentideros que a contabilização do número de desempregados já não é o que era. Parece que os contam à entrada de uma “porta giratória”. O certo é que na Europa e nos EUA a percentagem de empresas ligadas à máquina de reanimação chega a ser 8 vezes maior do que se considerava saudável.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.