No JL/Educação

E termina assim (e tem referência a estudos e tudo…) uma versão bem mais longa da ideia aflorada na crónica da semana passado no Educare.

Em Portugal, as proclamações retóricas acerca da bondade da estabilidade do sistema educativo não têm, nesta área, quase nenhuma correspondência em medidas práticas. Mesmo em recentes estudos do CNE acerca da organização escolar (sobre as turmas, o tempo escolar e os agrupamentos de escolas, publicados entre 2016 e 2017), não existe praticamente nenhuma referência a este aspecto, sendo mais evidente a preocupação com a “eficácia financeira” e com os níveis estatísticos de sucesso do que com condições indispensáveis para a “eficácia pedagógica” e a qualidade das aprendizagens.

A fragilização dos professores mais velhos, exigindo-se-lhe mais em troca de menos, conduziu a uma generalização de situações de esgotamento com reflexo no aumento de problemas de saúde e de ausências por atestado. A par disso, as regras draconianas em vigor para completar os horários de professores substitutos deixam muitos na necessidade de terem horários em duas ou três escolas, levando-os a um ritmo de trabalho (e de rotação nas colocações) que os impede de darem o melhor de si em cada local por onde passam de forma episódica.

E esta conjugação destrói qualquer verdadeira possibilidade, na generalidade das escolas, de constituir equipas pedagógicas com continuidade no tempo, com prejuízo para os alunos. Porque são eles os primeiros a perder a confiança quando o “sistema” lhes falha.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.