5ª Feira

Primeiro não havia qualquer caso (relações familiares no Governo); depois, deveria imperar a competências das pessoas sem olhar a parentescos; agora, afinal, não devem existir tais relações. Compreendo que o barreirense Eduardo Cabrita se sinta dividido entre querer ficar no governo e solidarizar-se com a sua cara-metade. Pessoalmente, acho que deveria ter ido mais longe na solidariedade do que (re)partilhar posts alheios.

Beaker-Bunsen

(claro que, at the end of the day, mais vale ter lá um à mesa do que nenhum…)

6 thoughts on “5ª Feira

  1. situação estranha: toda a gente diz que o primeiro ministro é soberaníssimo na designação dos seus ministros… puro ato solitário da sua vontade. Vem um ministro assim escolhido criticar o “escolhedor”… significados? Medidor de carácter, venha! Aliás, esta personalidade é um rasteiro habitual, na minha opinião…

  2. Com um governo com tantas afinidades com a flora e com o reino animal – J Cravinho, R Serrão, JP Matos, A Leitão e E Cabrita -, o universo com certeza abençoa a união do PS com o PAN.
    O galanteio há de dar frutos…
    …………………

    A solidariedade não “casa” com este tipo de “gente”.
    Convém não esquecer que, como não poderia deixar de ser, o sr. Cabrita é bom a saltar…

    Bom resto de semana.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.