9 opiniões sobre “Bom Dia

  1. O português corrente nas aulas está-se a tornar demasiado preguiçoso. Talvez seja do cansaço, talvez a língua esteja a mudar. Assim como os incidentes técnicos são cada vez mais frequentes. Só falta uma das colegas cair dos saltos de 12 cm abaixo.
    Pensava que as telescolares aulas estavam a ser gravadas mas agora fiquei com dúvidas. Aquelas argoladas acontecem normalmente ao vivo. No contexto de uma gravação justifica-se alguma edição do material. Assim como algum apoio técnico para o uso das tecnologias.
    Por mim recomendaria um cálice da minha reserva de 2019 antes de entrarem em cena. Questão de incutir mais entusiasmo.
    Apesar de tudo, os putos parecem gostar.

    Gostar

  2. Eureka!!
    A notícia corre célere nas ruas de Traseiras de Judas ! No esfregar d`um olho, o cabo da Guarda identificou o palerma que – armado em “e-ou- tubar ” – teve o desplante de invadir a videoconferência que o Coxa tão diligentemente afivelou no seu novel #EstudoNaVenda . Como é público e notório, o módulo dava pelo pomposo título ” Introdução ao fabrico da aguardente”.

    Estremunhado, o Rosmaninho deu pinotes e coices de alegria ; exultante, o Coxa suspendeu por instantes o seu ancestral ofício e não se conteve : ” esse f.d.p. vai pagá-las “.
    E prosseguindo – no seu peculiar estilo vagamente erudito -. atira : ” porra! anda um homem a fabricar botica contra o bicho -19 , enquanto os engenheiros de Lisboa não botam cá p`rafora as vacinas, e toma !”

    Ao certo, ao certo , ainda não se sabe quem é o imberbe – sussurra o jornaleiro do Diário de Traseiras, aproveitando a ocasião para meter colherada. Dizem que tem 20 anos ; que goza de boa saúde; que recebe da Segurança Social e que não gosta de vergar a mola na apanha da azeitona.
    A ver vamos…

    Gostar

    1. Fui ler o seu «post», Duílio, e, observando a atitude da mãe, que não censuro de forma nenhuma, mais uma vez me coloco na esquina a observar.

      Dizer raios e coriscos dos professores está na moda, no mínimo, desde aquele ser abjeto que o homónimo do filósofo escolheu para ME. Agora, cabe a vez a muita gente de perceber que lidar com centenas de alunos por dia, amontoados às dezenas numa sala, não é tarefa para qualquer um… É só.

      Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.