6º Feira

Para que serve um pseudo-confinamento, de 6ª a 3ª feira, com tantas excepções que, na prática, faz ficar em casa apenas quem não tem nada para fazer fora ou não lhe apetece gastar um “compromisso de honra” há muito gasta?

Simples: preparar os confinamentos quase a sério dos fins de semana anteriores aos feriados de 1 e 8 de Dezembro.

4 thoughts on “6º Feira

  1. Se calhar para ver se os resultados de um pseudo-confinamento permitem fazer confinamentos quase a sério ou implicam confinamentos mesmo a sério nas datas que referiu.
    Com esta alternativa faz mais sentido colocar a questão que coloca. Sabendo à partida a resposta a pergunta seria mesmo e apenas retórica.

    Gostar

  2. Em Portimão as coisas evoluirão a grande velocidade. Na Nazaré esperam-se dificuldades para achatar a onda. Verifica-se algum desNorte nos números do dia.
    Ninguém esperava uma segunda onda mais forte e apenas quatro meses depois da primeira. O Rosmaninho leu um jornal Australiopiteco e atempadamente decretou por que isso era mais que certo. Com a dificuldade que o PS tem em encontrar candidato próprio que lhe valha, e agora que as coisas com o Marcelo já não estão tão amenas, dever-se-ia considerar a hipótese de candidatar o Rosmaninho à Presidência da República. Por mim só confio nele quando se trata de decretar estados de emergência.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.