Sábado

Nos tempos digitais em que dizem vivermos, em que tudo pode ser tele-resolvido, eis que para “resolver” um daqueles contratos de utilização de um cartão de crédito não solicitado e objecto de umptésima alteração aos termos, é necessário dirigir “comunicação escrita” à instituição bancária “em papel ou noutro suporte duradouro”, não se percebendo bem o que esta última expressão poderá significar. Pelo que em papel terá de ser, para que nenhuma “tecnicalidade” não seja alegada para continuarem a sacar, a seu belo prazer e escassa regulação, o que bem entendem por serviços que antes se dizia servirem para economizar encargos à dita instituição.

E estamos a falar do banco público, agora transformado em mais um “sacador” desde que serviu de caverna do ali-babá para financiar negócios à cardona e à vara, de um lado ao outro do “espectro” e salvar milénios e outros assim.

One thought on “Sábado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.