6ª Feira – Dia 19

Há um par de dias, no contexto da preparação do debate sobre a renovação do estado de emergência, o ministro da Administração Interna culpou os portugueses pela degradação da situação pandémica no mês de Janeiro. Algo parecido já tinha sido feito umas semanas antes por outro ministro (o da Economia) num exercício muito habitual em políticos que, perante adversidades, optam logo por se desresponsabilizar de tudo o que acontece. Quando as coisas correm bem, apressam-se a aparecer a colher os foguetes e louros e a anunciar festividades onde se distribuem palmadinhas nas costas à discrição.

7 thoughts on “6ª Feira – Dia 19

  1. Propostas para ” O Plano”.

    Como a oligarquia que nos governa, bem como a oposição parlamentar, apresentam sérias dificuldades de compreensão, de análise e de interpretação da atual realidade do país, seguem 10 propostas para o plano que um grupo, muito grupo, muito pago, muito laborioso e muito iluminado anda a preparar (andará?):
    1. Abrir tudo para os portugueses do interior que nunca saíram de Portugal.
    2. Fechar tudo para os bifes que, em maio, querem vir apanhar sol e emborcar vinho do Porto.
    3. Abrir tudo para os jovens casais portugueses com filhos, casa e emprego.
    4. Fechar tudo para aqueles portugueses que, no mundo da política, nunca exerceram qualquer profissão produtiva ou dela tenham vivido.
    5. Abrir tudo para os agricultores, para os pescadores e para os operários portugueses que estão felizes com o seu trabalho.
    6. Fechar tudo aos cheganos e aos avantes que só querem festas e popularidade.
    7. Abrir tudo aos que, durante a pandemia, trataram dos idosos, salvaram os doentes e ensinaram as crianças, bem como aos que garantiram a segurança de todos.
    8. Fechar tudo àqueles que não usam máscaras, cospem para o chão e não querem vacinas a não ser as americanas e as inglesas, bem como aos Xis, Putins e Bolsonaros deste mundo.
    9. Abrir jardins, hortas e arvoredos nos lares, nas escolas e nos hospitais.
    10. Fechar jornalismo de bitaites, que não faz investigação, que apenas serve para montar máquina de propaganda aos decisores políticos que, por sua vez, estão a soldo dos grandes interesses económicos globais, Bilderbergs e afins.

    Assinado: Ninguém e Todo O Mundo também.

    Liked by 1 person

  2. Em que escola de empreendedorismo é que se aprende este marketing?

    Em Oliveira do Hospital nasceu uma nova marca de azeite, com um nome sugestivo, que já está a ser vendido em França e no Luxemburgo. Clítoris, um azeite virgem com 0,8º de acidez, feito a partir da azeitona galega, com processos 100% naturais, é uma criação de Marco Dias, cuja família tem 40 hectares de olival. (CM)

    Gostar

  3. Há gente tão boa, tão boa que não vê não existem portugueses do interior que não tenham emigrado, que há séculos somos uma colónia inglesa, que não existem neste país casais novos com casa, filhos e emprego, que destruíram ou venderam a nossa agricultura, pesca e indústria, que somos manobrados por extremos políticos ao sabor das respectivas conveniências, que somos uma migalha nos interesses internacionais gigantescos (qual Suíça), que os únicos que vão segurando e mantendo isto em marcha lenta são os odiados funcionários públicos…
    Sarcasmo, meu caro Watson!

    Gostar

  4. Entretanto quem se vai rindo a bandeiras despregadas são os inimputáveis! E não são apenas estes dois ministros…não é preciso recorrer à coragem dos outros para indicar também: diretores, Tiago, Costa…
    Natural, natural é a sede de ver tudo bem explicadinho.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.