O Benefício Dos Infractores

A ministra da Justiça dá uma entrevista em que declara que “não vai ser fácil avaliar fraudes da vacinação”. Estranhei a formulação (“avaliar fraudes”?), mas rapidamente percebi que a mensagem é que nada irá acontecer e pronto. Aliás, como os infractores calculavam, até porque raramente se tratou de um pobrezinho à beira da estrada. Foram, em regra, gente amiga ou com alguma posição nas nomenklaturas locais. Que nada lhes ia acontecer, já sabiam e já sabíamos. Apenas se confirma. E depois há aquela legitimação da infracção que passa por dizer que criminoso seria deitar fora vacinas.

Acerca disso, eu gostaria de destacar só dois “detalhes”:

Em primeiro lugar, nada me diz que o número de vacinas que foi levado para certos locais era o exacto e que já não tinha sido previamente inflaccionado, para “sobrarem”. Desculpem-me, mas não confio muito nesta malta que por aí anda, sempre a ver se trocam favores.

Em segundo lugar, acho criminoso que se deitem alimentos e outros produtos fora, enquanto gente passa fome e dificuldades, mas ainda não me tinha ocorrido que poderia legitimar com isso que o pessoal os pudesse levar dos supermercados sem pagar. Em vez de ficarem nas traseiras de alguns, junto aos contentores do lixo, à espera que deitem fora as sobras.

A ministra da Justiça parece ser mais um@ daquel@s governantes (e não são pouc@s) que ganham imenso em ficar com a boca fechada.

6 thoughts on “O Benefício Dos Infractores

  1. Este vírus é tão diligente que decidiu encetar a 4ª vaga num Domingo. Tudo se resume a uma grande vaga interrompida pelos vales dos confinamentos.

    Gostar

  2. Jornal mais lido na Dinamarca:

    Foi a decisão acertada suspender a vacinação com a vacina da Astrazeneca, e o intervalo deve ser estendido depois que foi divulgado no sábado que outro dinamarquês morreu após receber recentemente a vacina.

    Esta é a opinião do Professor Jan Pravsgaard Christensen, do Departamento de Imunologia e Microbiologia da Universidade de Copenhagen. A região destaca que os sintomas sugerem possíveis efeitos colaterais da vacinação. Relatou ambos os processos à Agência Dinamarquesa de Medicamentos.
    O médico-chefe Lars Østergaard, Departamento de Doenças Infecciosas do Hospital Universitário Aarhus, recomenda, como Jan Pravsgaard Christensen, que a interrupção da vacina Astrazeneca seja estendida até que os coágulos sanguíneos tenham sido examinados minuciosamente para ver se os coágulos sanguíneos estão relacionados à vacina.

    “Enquanto você tem uma suspeita que não pode refutar completamente, você tem que apresentar uma boa explicação e usar o tempo que for preciso para investigá-la adequadamente”, diz ele.

    https://jyllands-posten.dk/indland/ECE12848023/professor-astrazenecapause-boer-forlaenges-efter-endnu-et-doedsfald/ https://jyllands-

    Gostar

  3. Dizia o meu avô que era tão ladrão o que apanhava a galinha como o ficava a guardar a porta – a senhora ministra comporta-se como um cúmplice que guarda o local do crime. Até porque muitos dos criminosos apanhados são seus comparsas políticos ou, em muitos casos, da mesma quadrilha – fartar vilanagem…

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.