5ª Feira – Dia 53

Questionar opções políticas é um direito de qualquer cidadão e é especialmente legítimo que seja feito um rigoroso escrutínio por parte da comunicação social de matérias sensíveis como estas. Só que nestes casos não estamos perante a busca de informação adicional, mas perante acusações feitas com uma agressividade que se estranha neste contexto em que o funcionamento das escolas parece tão importante para que a sociedade e a economia não paralisem. Por isso, é absolutamente incompreensível que uma antiga governante que chegou a ser ministra da Educação (Manuela Ferreira Leite), no seu espaço televisivo de opinião sem contraditório tenha afirmado (TVI24, 18 de Março) que “se a prioridade é salvar vidas não se pode perceber que se vacine um professor“.

7 opiniões sobre “5ª Feira – Dia 53

  1. Deixa lá, Paulo. A sra na sua douta sabedoria ainda pensa que qualquer professor tem sete vidas… Se fosse verdade – ou talvez seja -. o professor está salvo . À quinta ou sexta perda de vida, fazia um pouco mais de cuidado não perdesse a sétima…
    Ela acredita no pai natal…

    Assim se tratam os professores… “A vida dos pretos conta” …a dos professores não!

    Gostar

  2. Acabou-se o folhetim. O vice-almirante já anunciou que, nesta segunda fase, o critério é o da idade, grupinhos à parte. Vão ver que se calam.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.