2 opiniões sobre “Era O “Grupo Da Morte”…

  1. Defender a Pátria ao pontapé e à cabeçada

    Não obstante o raio da bola ter tropeçado no ferro (não no da AR), os onze rapazes lusos foram e serão objecto das maiores honrarias, tal a importância que parte do imberbe mundo dá às toscas criaturas, ao seu vulgar míster e à redondinha.

    Para começar, e para coisa tão rasca , abusivamente afifaram-lhe com os símbolos nacionais (hino e bandeira ), com as rezas das mais altas figuras de Estado e, achando pouco, espetaram-lhe o nome de… Portugal. Agora estão prometidas umas medalhas e um churrasco, lá para os lados de Belém. Tudo em nosso nome, arrogaram-se nesse direito.
    A Joaquina, que não ficou indiferente ao abuso , reivindica semelhante tratamento no torneio internacional de sueca a realizar proximamente em Traseiras : ” Queremos que seja entoado o hino da planície; que seja hasteada a bandeira do município ; que estejam presentes as altas individualidades da terra : o bispo, o presidente da Junta e a delegada escolar”. E, rabujenta como é. acrescenta : ” ou há moralidade ou comem todos, porra”.

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.