Afinal Há Pelo Menos Outra…

prosa encomiástica quanto à preclara decisão de definir as Aprendizagens Essenciais como o cânone. É de uma professora da Faculdade de Letras do Porto, que pelo que percebo deve dar “formação” a professores do Básico, a partir da sua posição privilegiada. Não sei porque só achou três razões. Ou porque não as limitou a uma.

Eu sei que não é argumento tido como relevante mas, com os autores das duas outras prosas, penso que terão aplicado as suas teorias num valor não muito distante do zero em aulas na última década no Ensino Básico e Secundário.

12 thoughts on “Afinal Há Pelo Menos Outra…

  1. Ainda não li o artigo.

    De outras coisas que tem publicadas, espero que a autora não se esqueça das seguintes suas próprias palavras:

    “Um primeiro desafio a ultrapassar diz respeito à dificuldade que a atual organização de horários de trabalho pedagógico-didáticos dos professores gera ao não contemplar espaço e tempo para encontros presenciais de grupos interdisciplinares de professores centrados na tarefa de conceber ações de ensino interdisciplinar. Uma decisão a ter em conta para um trabalho pedagógico-didático desta natureza implica delimitar no horário de trabalho dos professores tempo adequado para realizar tarefas específicas como planificar, organizar, construir e/ou adaptar material, analisar dados, descrever casos difíceis, corrigir trabalhos, produzir feedback para os alunos, entre outras.”

    Os nossos delegados sindicais estarão atentos?

    Gostar

  2. É a reaplicação da fórmula marxista:

    O(s) labéu(s) atribuído(s) ao velho a destruir,
    que somos nós,
    os que se “limitam a debitar matéria como há quinhentos anos”.

    Por oposição ao idílio que amanhãs cantam.
    Por exemplo, uma grelha de articulação supostamente bem holística (página 8), mas que não passa de uma grelha com conteúdos/aprendizagens essenciais de diversas disciplinas.

    Pode ser que as editoras ou alguém por nós se dê ao trabalho de as fazer em grande quantidade.
    Que bem vão ficar nas diversas pastas de coordenação!
    Na minha disciplina as planificações já são a cópia exata da grelha das aprendizagens essenciais.

    Click to access aprendizagens_essenciais_consolidacao-articulacao.pdf

    Volto a destacar palavras da autora:

    “Um primeiro desafio a ultrapassar diz respeito à dificuldade que a atual organização de horários de trabalho pedagógico-didáticos dos professores gera ao não contemplar espaço e tempo para encontros presenciais de grupos interdisciplinares de professores centrados na tarefa de conceber ações de ensino interdisciplinar. Uma decisão a ter em conta para um trabalho pedagógico-didático desta natureza implica delimitar no horário de trabalho dos
    professores tempo adequado para realizar tarefas específicas como planificar, organizar, construir e/ou adaptar material, analisar dados, descrever casos difíceis, corrigir trabalhos, produzir feedback para os alunos, entre outras.”

    Os nossos delegados sindicais estarão atentos?

    Gostar

  3. Com essa da ” prosa encomiástica ” é que me lixaste.
    Fui buscar o dicionário de Latim … mas vou ser obrigado a ir buscar o de Grego.

    👍👍👍

    Gostar

  4. Com essa da ” prosa encomiástica ” é que me lixaste.
    Já fui buscar o dicionário de Latim … mas agora vou buscar o de Grego.

    👍👍👍

    Gostar

  5. Destaco as seguintes palavras da autora:

    “Um primeiro desafio a ultrapassar diz respeito à dificuldade que a atual organização de horários de trabalho pedagógico-didáticos dos professores gera ao não contemplar espaço e tempo para encontros presenciais de grupos interdisciplinares de professores centrados na tarefa de conceber ações de ensino interdisciplinar. Uma decisão a ter em conta para um trabalho pedagógico-didático desta natureza implica delimitar no horário de trabalho dos
    professores tempo adequado para realizar tarefas específicas como planificar, organizar, construir e/ou adaptar material, analisar dados, descrever casos difíceis, corrigir trabalhos, produzir feedback para os alunos, entre outras.”

    Os nossos delegados sindicais estarão atentos?

    Gostar

  6. A Universidade serve para duas coisas:
    1. Aceitar com muita reserva o que se aprende (quase nada);
    2. Aceitar com muita humildade a ignorância do que não se aprende (quase tudo).
    Então, sobre a autora do artigo posso dizer:
    A. Não me referir relativamente ao 1.º por razão de compreender o 2.º;
    B. Já sobre o 2.º pode-se afirmar que a PhD não sabe sequer o significado do P, do h e do D.

    Gostar

  7. Destaco as seguintes palavras da autora (noutro artigo disponível na Net):

    “Um primeiro desafio a ultrapassar diz respeito à dificuldade que a atual organização de horários de trabalho pedagógico-didáticos dos professores gera ao não contemplar espaço e tempo para encontros presenciais de grupos interdisciplinares de professores centrados na tarefa de conceber ações de ensino interdisciplinar. Uma decisão a ter em conta para um trabalho pedagógico-didático desta natureza implica delimitar no horário de trabalho dos
    professores tempo adequado para realizar tarefas específicas como planificar, organizar, construir e/ou adaptar material, analisar dados, descrever casos difíceis, corrigir trabalhos, produzir feedback para os alunos, entre outras.”

    Os nossos delegados sindicais estarão atentos?

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.