4ª Feira

As regras para a comida nos bares escolares podem fazer muito sentido em termos nutricionais e na cabeça de quem decide que a escola é o centro de difusão de lifestyles é um bem inquestionável. Já sei… a obesidade é uma praga que começa cedo. Mas quem conhece a miudagem, o que trazem por vezes de casa em matéria de lanches rápidos de casa ou vão comprar mesmo ali adiante, sabe que isto só poderia ter um pingo de sucesso se tivesse uma qualquer celebridade como o Jamie Oliver a fazer a promoção e as ementas. E estão a ver alguém a fazer por cá coisas como estas? E mesmo assim sofreu muitos obstáculos. E esteve longe de ser um sucesso fulminante. Por cá, este tipo de medidas apenas vai combater a crise dos snack bars e cafetarias das redondezas.

Apesar de tudo, é uma batalha que merece ser travada? Sim, mas poderiam começar pela flexibilização dos contratos para as refeições, que continuam a ser niveladas pelo preço mais baixo cobrado ao Estado. a verdade é que querem comida saudável, mas os outros que a paguem.

A Escola Pública foi tornada refém por um grupo de lunáticos, que qualquer dia vão sugerir o lançamento de búzios para determinar a que aulas e disciplinas a miudagem deve ir e desintoxicações com suco de couve para quem passar o valor ideal de massa corporal entre o corpo docente. E quem não aceitar, que se ponha a andar…

Há quem ande muito preocupado com os certificados digitais de vacinação, sem perceber que a pulsão totalitária está a começar a obrigar a comer pepino desde menino.

5 opiniões sobre “4ª Feira

  1. Os nutricionistas dizem que a alimentação deve ser variada e que alimentos menos saudáveis podem ser consumidos de vez em quando. Daí não vinha mal nenhum ao mundo se uma vez por outra se consumissem hambúrgueres, batatas fritas ou outros nas escolas como sinal que de vez em quando se podem comer. Os pratos da cantina são tão sem sabor que muitos só os comem porque são baratos ou de graça. A verdade é que chegando ao secundário muitos alunos vão comer fora da escola ao primeiro bar/café de fast food da zona. Por outro lado ninguém verifica a quantidade de pão que os miúdos comem na escola, nem o tamanho desse mesmo pão. E há miúdos que comem uns 3 ou mais por dia e não estou a falar do pãozinho Biju, mas sim de pão que é o dobro ou triplo do tamanho!…

    Gostar

  2. Por aqui é só sair o portão e andar cerca de 30 metros. Há ementas para todos os gostos, daquelas que não se podem vender na escola. E o mais engraçado, é que os miúdos entram com a comida/bebida comprada fora e consomem-na dentro.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.