Uma Ideia Do Camandro Ao Quadrado!

Perguntar – isto é só um suponhamos – àquel@s ex-governantes que tanto falaram em “recrutar os melhores” candidatos a professores (lembro-me, por exemplo, de David Justino, da shôra “reitora” e de Nuno Crato) e criaram, aplicaram ou apoiaram a PACC e outras medidas brilhantes de gestão dos recursos humanos, se acham que as suas políticas nada têm a ver com a actual situação e se estamos – finalmente! – perante um cenário ideal para esse tão desejado recrutamento de excelência.

E, já agora, se este modelo de add (que todos apoiaram, criaram ou remendaram) tem permitido manter nas escolas os melhores ou se, pelo contrário, os tem afastado.

6 opiniões sobre “Uma Ideia Do Camandro Ao Quadrado!

  1. Eles são os culpados desta falta de professores. Acabaram com os destacamentos, criaram os QZP, a ADD, o sistema de gestão escolar, as burocracias , o excesso de trabalho, o congelamento das carreiras, desautorizaram os professores, manipularam a opinião pública contra os mesmos usando jornalistas superficiais ao serviço dos políticos, desvalorizaram o saber e o conhecimento, tornaram a escola um kindergarten de guardar miúdos a tempo inteiro, não melhoraram as condições e rendimentos das famílias e nunca pensaram a médio e longo prazo, nem na importância do conhecimento para fazer prosperar um país que tem de fugir à imobilização.

    Liked by 1 person

  2. O grande problema é que não tem estado na pasta da educação quem saiba e perceba mesmo de educação.
    Os técnicos que estão no ME também nada percebem, tudo lhes passa ao lafo, não estão no terreno e nem querem saber da selva legislativa para nada, nem tão pouco das condições reais.
    Reduzir alunos por turma era fundamental para não esgotar quem ainda vai aguentando pancada de todos os lados.

    Gostar

  3. Atroz é a ignorância dos jornalistas, a incapacidade de fazerem trabalho de fundo e de pesquisa séria sobre o assunto.
    Fazem reportagens talhadas para néscios quando abordam a questão. Vão sempre buscar o Mário Nogueira para falar do assunto, como se ele desse aulas e soubesse e quisesse mesmo melhorar alguma coisa. O efeito do recurso a essa figura é gerar náusea, pois nenhum professor se sente identificado com ele. Ninguém se revê no homem que fazia esperas ao Guterres e que pactuou com a desvalorização da escola preparada pela geringonça, limitando-se o sindicalista, que também não é da simpatia dos portugueses, a organizar coreografias sem qualquer efeito positivo ou desaparecendo quando deveria ter falado.

    Gostar

  4. Ainda ontem, a propósito da falta de professores, o diretor do JN mais não soube dizer que era real, que já existia há alguns anos e que era da responsabilidade de vários governos e não apenas deste.

    Nada sobre a degradação da carreira, nada sobre a fuga de profissionais do ensino altamente qualificados para outras carreiras, nada sobre as más condições de trabalho, sobre a precariedade, sobre congelamentos e baixos salários, nada sobre gestão ditatorial, nada sobre assédio moral, nada sobre bullying sobre os professores, nada sobre excesso de trabalho, nada sobre injusticas de avaliação e mau ambiente entre pares, nada sobre violência, nada sobre escola a tempo inteiro desgastante e vazia de valor científico, nada sobre novas pedagogias mal fundamentadas destinadas a transformar o professor num entertainer e os alunos nuns analfabetos funcionais…

    Gostar

  5. Preocupante é também a ignorância que governantes e líderes da oposição demonstram sobre uma área tão importante para o desenvolvimento do país como a educação.
    Alguém se lembra da figura triste de Rui Rio quando posto a falar sobre o assunto na altura em que fez a vontade a António Costa quando este ameaçou demitir-se se o parlamento aprovasse o descongelamento daqueles anos que roubaram aos professores?
    Simplesmente não estudam os dossiers. Entretem-se com as tricas de comadres e assuntos menores mas mais popularuchos.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.