Eles, Ontem, Não Falaram De Educação…

… por que no essencial estão de acordo, em tempos de pandemia ou não pandemia. Aquilo da cidadania é mais uma disputa entre a aliança beato-inclusiva de um sector do PS e do Bloco e os mais matarruanos do CDS e Chega. Na semana de regresso às aulas, ambos (mais os “moderadores”) acharam que era um não-assunto. Se em 75 minutos não deu, em 25 muito menos dará.

Mas… quem estivesse a escabecear e sem vontade ver a cara dos dupondt, acabava por se concentrar em detalhes como os oráculos dos canais noticiosos. e num deles (cnn portugal?) passava insistentemente o alerta de que em Fevereiro se vão aposentar 200 professores e os seus alunos vão ficar sem aulas! Alarme!! Todos aos seus abrigos!!! Há 200 professores (menos de 1 por cada 4 agrupamentos) que se vão reformar e a petizada vai ficar sem aulas! Estranhamente, não se preocuparam em saber quantos alunos estão sem aulas porque os professores estão em isolamento ou eles próprios estão em casa, por estarem “positivos” ou coabitarem com alguém que está. E até erraram as contas, porque os números que o Arlindo passou à Lusa são um pouco diferentes.

Mas houve mais notícias alarmantes sobre a velhice dos professores que se acreditava serem eternos: por causa da mortalidade da pandemia (que só existe na televisão, note-se!) a esperança de vida população diminuiu e isso reflecte-se na idade da reforma dos professores, podendo levar a um adicional de mais de 800 aposentações por limite de idade! Nem o maravilhoso estudo que o ME encomendou à Nova Bizness Scule previu tamanho descalabro. Há uma pandemia, as pessoas morrem, a esperança de vida baixa, a idade de reforma reduz-se (três meses) para toda a gente e a aposentação dos professores é que preocupa a comunicação social ou quem atira com estas coisas cá para fora?

Agora, imaginem que a Educação era um assunto importante. Ou será que agora apenas a falta de professores os preocupa? Não fizeram, nestes últimos 20 anos, porcaria suficiente que ajude a explicar que pouca malta nova queira ingressar na carreira com um alvo nas costas?

3 opiniões sobre “Eles, Ontem, Não Falaram De Educação…

  1. os professores apenas têm uma certeza nas próximas eleições: não vai haver mudança para melhor nas condições de trabalho e na carreira profissional. Tanto PS como PSD neste assunto, ‘um diz mata, outro diz esfola’, pelo que é totalmente indiferente o resultado eleitoral. É o pior cenário que se apresenta a um profissional: a completa desesperança em dias melhores…

    Liked by 1 person

  2. Deixamos de ser assunto, ou a educação deixou de ser assunto, chegamos a um ponto em que basta as escolas estarem abertas e receberem os meninos.
    A classe docente também deixo de lutar e por isso de ser notícia, venceu a tal a completa desesperança em dias melhores, referida no comentário anterior.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.